Breves F1

Lewis Hamilton: “ Um passo de cada vez”
O piloto Mercedes não quer que as expectativas sejam demasiadas altas para este ano. Embora tenha vontade de lutar pelo campeonato, sabe que este ano ainda é cedo para isso acontecer.  O britânico afirmou que a equipa vai lutar por vitorias e que todos estão empenhados para  ir atras do titulo mas pede realismo nesta altura. Os testes de inverno foram positivos para a marca alemã, que depois de um início atribulado, conseguiu mostrar bom ritmo.
Hamilton mostra-se muito feliz na nova equipa. Depois de um ano onde, segundo ele, aprendeu muito com os erros, sente se “mais piloto” e capaz de fazer melhor. Deixou também escapar que se sente mais confortável com a abordagem da Mercedes aos pilotos. Diz que tem mais tempo para ele e para se preparar física e mentalmente, comparativamente ao que acontecia na McLaren.
Horner aponta Button como candidato.
Christian Horner chefe da RedBull team, apontou Button como candidato ao título caso o carro se adeqúe  ao seu gosto. Horner não poupou elogios ao Britânico, dizendo que agora, com o papel de nº 1 na McLaren, Jenson não pode ser subestimado, lembrando que nestes já 4 anos de McLaren conseguiu impor-se numa equipa que estava claramente virada para Hamilton, conquistando aos poucos todos os elementos da equipa e por diversas vezes superiorizando-se ao próprio Hamilton.
Button, que esteve a um passo de ficar sem equipa na F1 quando a Honda saiu de cena perguntou por um lugar na Toro Rosso. Entretanto foi criada a Brawn GP e conseguiu passar de piloto sem carro para campeão do mundo dando o salto para a McLaren. De acordo com Horner esse facto diz muito sobre a qualidade do piloto.
McLaren contente se pontuar em Melbourne.
A equipa de Woking baixou (e de que maneira) as expectativas para a 1ª corrida do ano. Para eles pontuar será suficiente. Embora tenham feito uma boa época de testes em termos de quilometragem e fiabilidade, Button queixou-se de falta de velocidade. Martin Whitmarsh defende que o MP4/28 tem muito potencial e irá ser desenvolvido de forma agressiva ao longo da época, uma vez que se trata de um design diferente e que tem de ser ainda entendido de forma mais eficaz.
Depois da Ferrari, McLaren a fazer a jogada do costume para não se criarem falsas expectativas e dar margem de erro para o 1º GP.
Félix da Costa mais rápido no segundo dia de testes.
Félix da Costa não parece querer deixar os créditos por mãos alheias e foi o mais rápido da sessão de hoje. Com o tempo de 1:46:925 foi o único a rodar no segundo 46. No Chicane estamos todos com grandes expectativas em relação à época de Félix da Costa. Depois de no ano passado ter estado numa forma espectacular, este ano parece que não baixou o ritmo. Vamos seguir este piloto com especial atenção. Puxa Félix!
Tempos da sessão de hoje:
1º António Félix da Costa 1m46.425
2º Stoffel Vandoorne 1m47.007
3º Arthur Pic 1m47.134
4º Kevin Magnussen 1m47.184
5º Sam Bird 1m47.278
6º Marco Sorensen 1m47.375
7º Nico Müller 1m47.393
8º André Negrão 1m47.497
9º Norman Nato 1m47.650
10º Lucas Foresti 1m47.655
11º Jazeman Jaafar 1m47.733
12º Sergey Sirotkin 1m47.964
13º Daniil Move 1m48.009
14º Nigel Melker 1m48.022
15º Pietro Fantin 1m48.099
16º Zoel Amberg 1m48.117
17º Carlos Huertas 1m48.125
18º Oliver Webb 1m48.142
19º Will Stevens 1m48.381
20º Mikhail Aleshin 1m48.392
21º Daniel Zampieri 1m48.394
22º Nikolay Martsenko 1m48.405
23º Matias Laine 1m48.554
24º Marlon Stöckinger 1m48.923
25º Yann Cunha 1m49.827
26º Mihai Marinescu 1m49.944

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.