CNR – Rally do Algarve: A decisão de um titulo que voltou a ter sotaque das ilhas.

Ricardo Moura é tricampeão nacional de rally´s.

O Algarve foi o palco da última prova do campeonato nacional de ralis, que tinha como grande cartaz a decisão do título, com três pilotos ainda com aspirações a conquistar o ceptro. Ricardo Moura, Bernardo Sousa e Pedro Meireles partiram para esta última prova com a mesma ambição, mas a verdade que era o açoriano que levava alguma vantagem, o que se confirmou, com a conquista do título nacional, o terceiro consecutivo.

O rally começou com R. Moura a liderar, vencedor da primeira especial, deixando B. Sousa bem perto do piloto açoriano a apenas 1´s. Pedro Meireles era 3º a 4´s do líder.

A segunda especial do dia, trouxe um B. Sousa ao ataque, vencendo a etapa por 7.6´s sobre R. Moura, assumindo liderança da prova. Tudo indicava que iríamos ter uma luta a dois pela vitória no rally e no campeonato. Mas essa luta terminaria na 3ª especial, com um furo no Fiesta de Bernardo Sousa, perdendo quase 3 minutos e arrumando praticamente a questão do título. Para piorar ainda mais, no troço de ligação após a 4ª especial, o motor do Ford Fiesta S2000 partiu, fazendo B. Sousa abandonar a prova algarvia, deixando R. Moura na frente da prova confortavelmente, e com o título à vista.

Daí para a frente um gerir de vantagem por parte de Moura, sempre com ritmo moderado para o precaver qualquer situação que pusesse em causa o título. Na última especial jogava-se pontos extra no campeonato, com a “Power Stage”, vencida por Adruzilo Lopes, que não para de surpreender. Com uma montada mais limitada do que os evoluídos S2000, continua a mostrar que tem um andamento muito forte, capaz de ombrear com qualquer piloto a nível nacional, assim tenha carro para isso.

Ricardo Moura venceu o rally, assim como o campeonato, numa época de grande nível com bons carros e bons pilotos, que lutaram pela conquista do título ate á ultima prova.

Destaques da época:

Ricardo Moura depois de 2 títulos nacionais, quase sem concorrência, partia para esta época com a vida dificultada, pois Pedro Meireles e Bernardo Sousa confirmavam as suas presenças no campeonato nacional ao volante de viaturas S2000. O açoriano apresentou-se na primeira prova da época ainda no seu já pouco competitivo EVO IX, mas rapidamente mudou para um Skoda S2000, onde ai sim poderia bater-se de igual para igual com B. Sousa e P. Meireles. R. Moura não desiludiu, venceu o campeonato, e com concorrência à altura. É um justo vencedor, pela sua regularidade. Que mais desafios poderá ter o açoriano por terras lusas após 3 títulos nacionais consecutivos?

Bernardo Sousa regressou ao nacional de ralis, após 2 anos, com um bom projecto, com tudo para sair vencedor, mas os exageros e algum azar afastaram o Madeirense da rota do título. Sousa ainda foi a tempo de mostrar que é piloto de um nível muito acima do panorama nacional. Próxima época poderá trazer boas novidades, e quem sabe um regresso ao WRC. Merece.


Adruzilo Lopes esteve de volta aos rally´s, e em grande estilo. O experiente piloto, ao comando de um Subaru R4, mostrou que quem sabem nunca esquece, foi sem dúvida uma mais-valia para o campeonato. Sempre rápido, o piloto de Felgueiras conseguiu muitas vezes intrometer-se na luta com os mais rápidos, mesmo com um carro de menos valia. Merece um carro melhor na próxima época.

Diogo Gago merece destaque não só pela época nacional que faz, mas pelo seu desenvolvimento enquanto piloto. O jovem Algarvio tem feito uma época de aprendizagem, com a participação da 208 Rally Cup, onde ganhou experiência internacional, importantíssima nesta fase da sua carreira. Reflexo disso, as boas provas a nível interno, a levar o seu pequeno Peugeot 208 a rodar próximo de viaturas de maior potencia. Piloto com enorme qualidade. Quanto ao seu futuro tudo depende da sorte, pois o talento está lá.


Tudo dito por esta época, com Ricardo Moura consagrado campeão nacional, com Bernardo Sousa próximo de ingressar no WRC, e Adruzilo Lopes de volta aos bons velhos tempos.


A próxima época promete ainda mais emoção, com mais pilotos a adquirir viaturas de grande qualidade, e quem sabe não haja mais regressos de consagrados pilotos nacionais.


Todas as novidades sobre o mundo dos rally´s aqui no nosso blog, ou na nossa pagina de Facebook “chicane desportos motorizados”.

Ate lá, já sabem qual é a dica…if in doubt flat out!



Carlos Mota

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.