Lições de Jerez. Parte1

 Acabados os testes em Jerez de la Frontera, onde as equipas puderam testar verdadeiramente os seus monolugares já há algumas conclusões a serem tiradas destes 4 dias de testes. Há claramente equipas que se mostram em boa forma e outras que precisam de trabalhar muito mais para atingirem  o sucesso. Vamos então avaliar as prestações das equipas.
Red Bull
A grande dominadora dos últimos 4 anos está a passar por um mau bocado. 21 voltas corridas no total, muitos problemas com o motor e com o sobreaquecimento do carro. O teste correu tão mal que abdicaram do 4º dia para regressar mais cedo. Newey estará neste momento a rever todo o seu trabalho e provavelmente terá de mudar muita coisa. Os motores Renault também se mostraram pouco fiáveis e há muito trabalho a fazer. A Red Bull já bateu o pé e os franceses terão de se aplicar a sério. Se a ideia dos novos regulamentos era trazer a Red Bull para os níveis dos rivais, isso foi conseguido e de forma violenta. O ano começa muito mal. Mas que ninguém duvide que os Bull´s irão dar a volta a esta situação. Newey não é conhecido por desistir facilmente.
Ferrari

A Scuderia apostou forte para este ano. Renovou a sua equipa técnica, assinou com um dos melhores pilotos do mundo tendo já outro na sua equipa ficando com a melhor dupla de pilotos. Havia muita expectativa para ver como se apresentaria a Ferrari em Jerez. Apresentou-se bem e mostrou argumentos muito positivos. O carro mostrou fiabilidade ( é certo que pararam na pista um par de vezes mas no geral foi um bom ensaio) e até se fizeram testes de aerodinâmica. O desenvolvimento dos carros ainda demorará mas para quem queria testar essencialmente fiabilidade o teste correu muito bem. Velocidade? ainda não vimos grande coisa.
Mercedes
Havia rumores que os motores Mercedes estavam um passo à frente dos outros. E pelo teste em terras espanholas parece que o rumor é verdadeiro. Notou-se que todas as equipas equipadas com motores Mercedes estiveram claramente melhor e a Mercedes foi a que se apresentou melhor. Ainda sem mostrar grande andamento é certo, mas com uma fiabilidade muito apreciável. Completaram mais de 300 voltas, tendo feito até uma simulação de corrida com Rosberg. É tempo agora de afinar o carro para melhorar a velocidade. Ao nível da fiabilidade mecânica estão aprovados. Hamilton mostrou-se muito contente com o carro deixando rasgados elogios.
McLaren
O primeiro dia de teste assustou muita gente. O carro não saiu para a pista, fruto de problemas eléctricos e hidráulicos. Pensou-se que o pesadelo do ano passado não estaria completamente ultrapassado. No 2º dia a McLaren saiu para a pista e mostrou que afinal estava em forma. A McLaren apresentou uma base muito boa e a inovação do ano com a suspensão traseira “borboleta”, que muito tem dado que falar. Magnussen, o rookie que mais interesse tem despertado, apresentou-se muito bem e fez o melhor tempo da semana. Foi um teste muito positivo para a equipa de Woking, que mostrou que tem uma excelente base para trabalhar. E não esquecer que os engenheiros contratados e que irão melhorar significativamente a qualidade do trabalho na McLaren ainda não começaram a trabalhar.
Williams:
O carro azul, sem patrocínios é a nova esperança da Williams para retomar o trilho das vitorias. E a verdade é que pelo que se viu o caminho poderá ser ainda longo mas está a ser dado com passos certos. O carro apresentou fiabilidade o que era o ponto mais importante neste teste. O motor Mercedes que equipa agora o Williams permitiu à equipa fazer muitos quilómetros e trazer para casa muitos dados importantes. Massa estava visivelmente feliz com o seu novo carro e o seu discurso claramente positivo mostra que a equipa está feliz com o resultado dos testes. Uma boa noticia para a Williams e para a F1. Acreditamos no regresso da equipa aos bons velhos tempos.
Force India
O carro desiludiu com um nariz francamente horrível, o que é pena pois as cores do carro estão um mimo. Mas em pista o carro mostrou-se discreto. Não comprometeu muito em relação à fiabilidade mas não mostrou ainda grande andamento (como a grande maioria). Incompreensível dar mais tempo de pista ao piloto de testes em detrimento dos pilotos titulares. Provavelmente uma questão de dinheiro. Temos grande expectativa em relação à Force India mas foi um inicio muito morno e  low profile. Teremos de esperar para ver o que acontece no Bahrain.
Toro Rosso.
Tal como a Red Bull o teste não correu de feição. Conseguiram fazer mais voltas do que os Bulls mas ainda assim o teste não deu azo a grandes alegrias. O motor Renault ainda vai dar muitas dores de cabeça e a Toro Rosso terá ainda. Ainda não deu para ver se Kvyat está de facto apto para o lugar, dadas as poucas voltas que deu.
Caterham
O vencedor do carro mais feio do ano por larga vantagem também teve um início pouco positivo. O motor Renault foi o responsável e apenas Kabayashi teve direito a fazer mais de 50 voltas ( mais do que qualquer outro carro equipado com motores Renault). Ericsson rodou muito pouco e Frijns não aqueceu sequer. É um ano muito importante para a equipa malaia que tem de dar um salto quantitativo para continuar a correr na F1 palavras do patrão da equipa). Não será por certo o melhor ano para exigir esse tipo de desempenho.
Marussia

Chegaram atrasados ao teste devido a problema técnicos no carro e não rodaram muito em pista. O carro apresenta-se simples. Veremos se é eficaz. Bianchi mostrou-se positivo em relação ao carro mas so no Bahrain se poderá ver o nível do novo carro.
Lista dos melhores em Jerez
Dia 1 Kimi Raikkonen Ferrari
Dia 2 Jenson Button McLaren
Dia 3 Kevin Magnussen McLaren
Dia 4 Felipe Massa Williams
Geral Kevin Magnussen McLaren

Melhor tempo:

Kevin Magnussen, McLaren – 1:23:276

Nº de voltas por equipa:
Mercedes – 309. 
Ferrari – 251.
McLaren – 245.
Williams – 175. 
Sauber – 163.
Force India – 146. 
Caterham – 76.
Toro Rosso – 54.
Marussia – 30.
Red Bull – 21.
Nº de voltas por motores:

Mercedes – 875.
Ferrari – 444.
Renault – 151.
Fotos:
retiradas de google.pt
Fontes:
Fábio Mendes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.