WRC – Rally da Suécia (resumo). “Azar” de Ogier, na conquista de Latvala!

Foi J. M. Latvala o grande vencedor da segunda prova do mundial de ralis, realizada na Suécia, este ano com bem menos neve do que o habitual, o que veio de uma certa maneira baralhar as contas de pilotos e marcas. Numa prova muito bem disputada, com o primeiro dia (a sério) a terminar com os pilotos da frente todos bem próximos, o terceiro dia de prova veio ser decisivo para o desfecho final do rali, pois S. Ogier, com uma ligeira saída de estrada, ficando preso num banco de neve, deitou por terra todas as aspirações de nova conquista neste rali nórdico, um ano depois de ter vencido neste mesmo local, numa intensa luta com S. Loeb. O francês da Volkswagen, perdeu mais de 4 minutos neste “percalço”, deixando a luta pela vitória entregue aos seus companheiros de equipa, Latvala e A. Mikkelsen, que entre eles discutiram a vitória final.
No final foi o finlandês a levar a melhor sobre o jovem piloto norueguês da Volkswagen, que ainda assim realizou a sua melhor prestação desde que ingressou na categoria máxima do mundial de ralis, com este segundo lugar na geral final. A fechar o pódio ficou M. Ostberg, com o piloto da Citroen a ficar aquém das espectativas, pois tinha aspirações a lutar pela vitória, mas nunca conseguiu imprimir ritmo capaz de ombrear com os pilotos da Volkswagen, acabando por não ser uma verdadeira ameaça aos homens da marca alemã. Ainda assim sai da Suécia com nota positiva, revelando um Ostberg diferente da época transacta.
J. M. Latvalavenceu assim pela 3ª vez na Suécia, e mais do que isso, assumiu a liderança do campeonato, relegando assim o seu colega de equipa, Ogier, para a segunda posição, demonstrando que será preciso contar com ele na luta pelo título. Não querendo ficar na sombra do seu líder, Latvala venceu de forma convincente, numa luta resumida a dois para o último dia, onde atacou forte e se distanciou de Mikkelsen. O finlandês não contente, ainda somou mais 2 pontos na derradeira especial do rali, com o segundo tempo na “power Stage”. Sai da neve Suécia um “líder” cheio de confiança, a caminho do sol mexicano.
A. Mikkelsenrealizou na Suécia a sua melhor exibição ao volante do Polo P WRC, depois de ter chegado ao final do 1º dia de prova na liderança, fruto da vitória na curta especial de abertura (1,9km). Mostrou que a liderança não um era acaso, fazendo tempos bem interessantes, ao ponto de na SS6 ter destronado Ogier da liderança da prova, embora o francês a tenha de novo reconquistado na especial SS7. Na primeira especial cronometrada do 3º dia volta a assumir o comando da prova, após saída de estrada do seu “chefe de fila”. Daí para a frente, entrou em luta directa com J. M. Latvala, onde não conseguiu suportar o ritmo forte do Finlandês ao longo do último dia, ficando com este fantástico 2º lugar final, numa prova evidente de qualidade por parte de Mikkelsen. Temos piloto.
M. Ostberg foi sempre o melhor piloto “não Volkswagen”, faltando um pouco mais de conhecimento do seu Ds3 WRC, pensamos nós, para atacar verdadeiramente a vitória final na prova sueca. Ostberg, está de facto bem diferente da última temporada, muito mais confiante, sem pressão, chegando mesmo a acreditar que poderia de facto lutar pela vitória. O terceiro lugar acaba por ser positivo, mais ainda após a vitória na “Power Stage”, amealhando mais 3 pontos extra para o campeonato. Fim-de-semana francamente positivo para Ostberg, motivador, e pode servir de catapulta para uma época em bom plano. Ostberg na Citroen? Escolha acertada.
Se Ostberg foi uma escolha acertada pela Citroen, já o mesmo não se pode dizer acerca da escolha da Ford sobre Hirvonen. Um 4º lugar enganador, revelando pouco da fraca prova do finlandês, num terreno bem do seu conhecimento. O piloto da Ford nunca foi capaz de se intrometer entre os mais rápidos exceptuando no final do segundo dia, onde ainda rivalizou com Ostberg, sendo sol de pouca dura, bem vincado pelas diferenças de tempos no final do rali. Fica no entanto a nota positiva na “Power Stage” com o 3º tempo, arrecadando 1 ponto extra. Pedia-se e esperava-se muito mais de Mikko.
O. Tanakregressou ao WRC em grande estilo, com um boa prova, rodando bem próximo dos mais rápidos em certos momentos, vencendo até a SS5. Este 5º lugar é um premio justo, depois de um afastamento do WRC…injusto. Este jovem tem talento, muito talento, e merce mais oportunidades…Sr. Malcom Wilson.

S. Ogier que já não perdia uma prova do mundial desde a última edição do Rali da Alemanha, desta vez não foi além da 6ª posição, depois de na SS8 ter perdido mais de 4 minutos com uma saída de estrada, ficando preso num banco de neve. Caiu bem abaixo do 10º lugar, mas recuperou ainda até aos lugares pontuáveis, vencendo várias especiais cronometradas, dando um autêntico recital de condução. Com carta branca para arriscar, o francês foi recuperando posições, até chegar à sexta, de onde não mais sairia. Valeu pela recuperação, pois na “Power Stage” também não consegui amealhar mais pontos. Os bons também têm azares, e pelos vistos os melhores também…perdem a liderança do mundial para Latvala. Mas parar este francês só mesmo desta maneira.
H.Solberg, também ele de regresso ao mundial de pilotos, numa prova que bem conhece, completou em 7º lugar, beneficiando de azares alheios para subir aos lugares pontuáveis. De saudar este regresso. Atrás de si ficou o piloto da casa Tidemand, na 8ª posição, numa prova que não correu de feição ao piloto sueco, sempre com problemas na afinação no seu Fiesta RS WRC, nunca conseguiu ser verdadeiramente rápido, como esperava. C. Breencompletou a prova na 9ª posição também ele de regresso ao mundial, numa actuação bem discreta do piloto Irlandês, ainda assim logrou chegar ao final da prova, no top 10. Top 10 esse fechado por C. Meeke, que se bateu contra vários problemas de habituação aos pisos Suecos, naquela que foi a sua estreia neste rali. As coisas nem estavam tão mal, até que uma saída de estrada, aliada ao facto de ficar preso na neve, o fez perder mais de 7 minutos. Um 10º lugar que acaba por ser um mal menor. Venha de lá o México, para Meeke e para a Citroen.
A Hyundaicontinua a não ter sorte, num ano de estreia do I20 WRC nada fácil, somando mais dois abandonos, ainda que T. Neuville tenha regressado em Rally 2, mas terminou a prova muito atrasado na tabela classificativa. O piloto belga voltou a sair de estrada, bem como o seu colega de equipa J. Hanninen, que também não teve uma estreia fácil ao volante do carro da marca coreana, também prematuramente fora de prova, devido a acidente. Resultado final sem pontos, e apenas Neuville levou o Hyundai ao final, com um atraso de 46 minutos. Vida difícil para Neuville e a Hyundai.
R. Kubica e E. Evensambos em Ford, e ambos a fazer a suas estreias no Rali de Suécia, também não tiveram vida facilitada, com o piloto polaco a ter várias saídas de estrada, com alguns danos do seu Fiesta RS WRC. Já Evens, ficou de fora da última especial da prova (Power Stage), deitando por terra uma estreia até positiva (seguia em 9º), com este percalço.
Classificação geral final Rali da Suécia:
POS CAR NO DRIVER ELIGIBILITY TIME DIFF PREV DIFF 1ST
1. 2 FINJ. LATVALA M 3:00:31.1
2. 9 NORA. MIKKELSEN T 3:01:24.7 +53.6 +53.6
3. 4 NORM. ØSTBERG M 3:01:30.6 +5.9 +59.5
4. 5 FINM. HIRVONEN M 3:02:58.0 +1:27.4 +2:26.9
5. 11 ESTO. TANAK 3:03:31.6 +33.6 +3:00.5
6. 1 FRAS. OGIER M 3:05:01.0 +1:29.4 +4:29.9
7. 16 NORH. SOLBERG 3:05:18.6 +17.6 +4:47.5
8. 15 SWEP. TIDEMAND 3:06:09.3 +50.7 +5:38.2
9. 17 IRLC. BREEN 3:09:26.5 +3:17.2 +8:55.4
10. 3 GBRK. MEEKE M 3:11:49.1 +2:22.6 +11:18.0
11. 41 ESTK. KRUUDA WRC2 3:14:40.2 +2:51.1 +14:09.1
12. 33 FIN J. KETOMAA WRC2 3:14:42.5 +2.3 +14:11.4
13. 42 SWEF. AHLIN WRC2 3:15:58.3 +1:15.8 +15:27.2
14. 31 SAUY. AL RAJHI WRC2 3:16:57.6 +59.3 +16:26.5
15. 32 UKRY. PROTASOV WRC2 3:18:00.3 +1:02.7 +17:29.2
16. 12 UAEK. AL QASSIMI 3:19:21.6 +1:21.3 +18:50.5
17. 14 POL M. SOLOWOW 3:22:48.0 +3:26.4 +22:16.9
18. 37 ITAL. BERTELLI WRC2 3:25:14.4 +2:26.4 +24:43.3
19. 8 FINJ. HÄNNINEN M 3:27:12.1 +1:57.7 +26:41.0
20. 82 SVKM. KOČI 3:27:48.0 +35.9 +27:16.9
21. 40 UKRV. GORBAN WRC2 3:28:49.2 +1:01.2 +28:18.1
22. 77 ITAF. FRISIERO 3:32:25.9 +3:36.7 +31:54.8
23. 81 POLH. PTASZEK 3:34:41.6 +2:15.7 +34:10.5
24. 10 POLR. KUBICA T 3:36:43.5 +2:01.9 +36:12.4
25. 78 IRLE. BOLAND 3:39:39.0 +2:55.5 +39:07.9
26. 45 ITAG. LINARI WRC2 3:40:43.1 +1:04.1 +40:12.0
27. 79 ESPJ. FONT GUIXARO 3:47:28.4 +6:45.3 +46:57.3
28. 7 BELT. NEUVILLE M 3:49:59.3 +2:30.9 +49:28.2
29. 75 SWEJ. ROMAN 3:59:10.5 +9:11.2 +58:39.4
30. 83 POLŁ. KABACINSKI 4:02:00.5 +2:50.0 +1:01:29.4

Classificação campeonato após Rali da Suécia:
Em WRC2 e depois de estar a fazer uma grande prova, Al-Rajhi deitou tudo a perder no último dia de prova, com uma saída de estrada, perdendo muito tempo, depois de ter dominado todo o rali na categoria WRC2, caiu para a 4ª posição. K. Kruuda foi assim o grande vencedor, por apenas 2,3´s, numa disputa até ao último Km com J. Ketomaa. Fica ainda assim o registo de Al-Rajhi, que sendo oriundo da Arábia Saudita se bateu muito bem contra pilotos locais, e não fora a saída de estrada, teria vencido na neve Sueca de forma bem clara e convincente. Temos piloto?
Classificação Rali da Suécia:
POS CAR NO DRIVER ELIGIBILITY TIME DIFF PREV DIFF 1ST
1. 41 ESTK. KRUUDA WRC2 3:14:40.2 +2:51.1 +14:09.1
2. 33 FIN J. KETOMAA WRC2 3:14:42.5 +2.3 +14:11.4
3. 42 SWEF. AHLIN WRC2 3:15:58.3 +1:15.8 +15:27.2
4. 31 SAUY. AL RAJHI WRC2 3:16:57.6 +59.3 +16:26.5
5. 32 UKRY. PROTASOV WRC2 3:18:00.3 +1:02.7 +17:29.2
6. 37 ITAL. BERTELLI WRC2 3:25:14.4 +2:26.4 +24:43.3
7. 40 UKRV. GORBAN WRC2 3:28:49.2 +1:01.2 +28:18.1
8. 45 ITAG. LINARI WRC2 3:40:43.1 +1:04.1 +40:12.0
Classificação campeonato após Rali da Suécia:
Tudo dito sobre o Rali da Suécia, próxima paragem do mundial de ralis será no México de 6 a 9 de Março, na primeira prova da temporada em solos de terra. Um rali muito duro, corrido em altitude, imprevisível, onde a luta pela vitória será intensa, e tudo pode acontecer.
Não perca as noticias sobre o mundo dos desportos motorizados no nosso blog “Chicane desportos motorizados” e na nossa pagina de Facebook.
Até lá… if in doubt flat out!!

Fotos:
Eyes of Rally : https://www.facebook.com/eyesofrally
Doidos por Rally: https://www.facebook.com/doidosporrally?fref=ts

Fontes:

Página  do Facebook, Doidos por Rally no endereço:

 https://www.facebook.com/doidosporrally?fref=ts

Carlos Mota

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.