IndyCar Series 2014

A Indy Car Series é uma das nossas apostas para 2014, mesmo sendo uma série pouco divulgada em Portugal e na Europa, atrai milhares de fãs nos EUA e mesmo no Brasil. Sendo a modalidade “prima” da F1, é óbvio que faremos comparações entre uma e outra.


A Indy começou em 1994, separando-se da Fórmula CART, mas a sua primeira corrida só aconteceu a 27 de Janeiro de 1996, na Indy 200 na pista de Walt Disney World Speedway, ganha por Buzz Calkins.


No início, as equipas a podiam escolher equipar os seus carros com chassis Lola ou Reynard e motores de 4 litros derivados dos carros de série. Actualmente existe apenas um fornecedor de chassis, a Dallara e dois construtores de motor: a Chevrolet e a Honda, que obteve em 2013 o campeonato, com Scott Dixon da Chip Ganassi Racing, uma das mais conhecidas equipas da competição. Os motores actuais são V6 2.2 litros turbinados, em comparação com os novos motores v6 1.6 litros turbo da F1, que chegam aos 600 CV de potência. Os carros da Indy têm entre 550 a 700 CV.


Para a época de 2014, que começa a 30 de Março em St. Petersburg, estão agendadas 18 provas, divididas em ovais, circuitos citadinos e pistas, sendo uma das provas em território canadiano:
Data
Nome da Corrida
Circuito
Local
Circuito
 30 Março
 Firestone Grand Prix of St. Petersburg
Streets of St. Petersburg
St. Petersburg, Florida
citadino
13 Abril
 40th Toyota Grand Prix of Long Beach
Streets of Long Beach
Long Beach, California
citadino
27 Abril
 Honda Indy Grand Prix of Alabama
Barber Motorsports Park
Birmingham, Alabama
circuito
10 Maio
 Grand Prix of Indianapolis
Indianapolis Motor Speedway 
Speedway, Indiana
circuito
25 Maio
 98th Indianapolis 500-Mile Race
Indianapolis Motor Speedway 
Speedway, Indiana
oval
31 Maio
 Chevrolet/Cadillac Grand Prix of Detroit
Belle Isle
Detroit, Michigan
citadino
1 Junho
7 Junho
 Firestone 600
Texas Motor Speedway
Fort Worth, Texas
oval
28 Junho
 Shell and Pennzoil Grand Prix of Houston
Reliant Park
Houston, Texas
citadino
June 29
6 Julho
 Pocono IndyCar 500 Fueled by Sunoco
Pocono Raceway
Long Pond, Pennsylvania
oval
12 Julho
 Iowa Corn Indy 300
Iowa Speedway
Newton, Iowa
oval
19 Julho
 Honda Indy Toronto
Exhibition Place
Toronto, Ontario
citadino
20 Julho
3 Agosto
 Honda Indy 200 at Mid-Ohio
Mid-Ohio Sports Car Course
Lexington, Ohio
circuito
17 Agosto
 ABC Supply Wisconsin 250
The Milwaukee Mile
West Allis, Wisconsin
oval
24 Agosto
 GoPro Indy Grand Prix of Sonoma
Sonoma Raceway
Sonoma, California
circuito
30 Agosto
 MAVTV 500 IndyCar World Championships
Auto Club Speedway
Fontana, California
oval

Se por cá não conhecemos muito bem as pistas, em termos de pilotos, existem três que devem reconhecer: Juan Pablo Montoya, Mikhail Aleshin e Takuma Sato.
Montoya faz o seu regresso á modalidade enquanto Aleshin, campeão da World Series by Renault Fórmula 3.5, em 2010, é o primeiro russo na competição e estreia-se pela Schmidt Peterson Hamilton Motorsports. O ex- piloto da BAR, Jordan e Super Aguri, Takuma Sato, 17º classificado em 2013, faz a sua quinta época na IndyCar, tendo ganho uma corrida.
Algumas das equipas ainda não confirmaram os seus pilotos e por cá já ouvimos falar de Luiz Razia, o brasileiro que esteve com os dois pés na F1 em 2013 e até Paul di Resta foi falado, estando agora confirmado no DTM. Ainda assim, prova que é uma competição que começa a ser atractiva para pilotos que não têm os milhões necessários para entrar no “Grande Banco” que se tornou a F1.
Fica aqui a lista dos pilotos até agora confirmados:
Equipa
Moto
Piloto(s)
A. J. Foyt Enterprises
Honda
14
 Takuma Sato
Andretti Autosport
Honda
25
 Marco Andretti
26
 Carlos Muñoz (Rookie)
27
 James Hinchcliffe
28
 Ryan Hunter-Reay
Bryan Herta Autosport
a anunciar
98
a anunciar
Chip Ganassi Racing
Chevrolet
a anunciar
 Scott Dixon
8
 Ryan Briscoe
10
 Tony Kanaan
83
 Charlie Kimball
Dale Coyne Racing
a anunciar
18
 Justin Wilson
19
a anunciar
Ed Carpenter Racing
Chevrolet
20
 Mike Conway
 Ed Carpenter
KV Racing Technology
a anunciar
11
 Sébastien Bourdais
Rahal Letterman Lanigan Racing
a anunciar
15
 Graham Rahal
Sarah Fisher Hartman Racing
a anunciar
67
 Josef Newgarden
Schmidt Peterson Hamilton Motorsports
Honda
55
 Mikhail Aleshin (Rookie)
77
 Simon Pagenaud
Team Penske
Chevrolet
2
 Juan Pablo Montoya
3
 Helio Castroneves
12
 Will Power
Dario Franchitti decidiu abandonar a IndyCar aconselhado pelos médicos depois do acidente de 2013 durante o GP de Houston:

Para nós, o mais estranho à primeira vista é a pontuação, isto porque todos os pilotos pontuam em cada prova. Existem ainda pontos para a pole position (1 Ponto), para o piloto que liderar mais voltas durante a corrida (2 pontos) e para os pilotos que liderem pelo menos uma volta (1 ponto). Mesmo que exista um piloto que seja impedido de largar, recebe 2 pontos!
O sistema de pontuação fica assim distribuído:
50 pts
12º
18 pts
23º
7 pts
40 pts
13º
17 pts
24º
6 pts
35 pts
14º
16 pts
25º
5 pts
32 pts
15º
15 pts
26º
6 pts
30 pts
16º
14 pts
27º
7 pts
28 pts
17º
13 pts
28º
8 pts
26 pts
18º
12 pts
29º
9 pts
24 pts
19º
11 pts
30º
10 pts
22 pts
20º
10 pts
31º
11 pts
10º
20 pts
21º
9 pts
32º
12 pts
11º
19 pts
22º
8 pts
33º
13 pts

O campeão da época recebe 1M de dólares de bónus pela conquista.~

Depois de verem este vídeo (mesmo sendo numa oval), a IndyCar Series não é para vocês?

Fontes:
indycar.com
Fotos:
draftingthecircuits.whoobazoo.com
withinouttechnicians.info
louismoinet.com
indycarpuertorico.wordpress.com

Pedro Mendes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.