WRC 2015 – Antevisão.

Rally Great Britain (Wales) 2014O início do campeonato do mundo de ralis está aí à porta, para regalo dos amantes da modalidade. Embora o tempo de paragem não seja grande, para os verdadeiros apaixonados 2 meses é uma eternidade. Entre fóruns, páginas de Facebook ou mesmo em conversa de cafés com os amigos, vão-se fazendo “apostas”, previsões e dão-se os últimos palpites para a temporada que se inicia na próxima 5ª feira.

As dúvidas, as certezas, as novidades, as revelações ou as desilusões. Quem será campeão? Latvala irá bater o seu colega de equipa Ogier? A Citroen voltará a vencer esta temporada? O que vale a evolução do Hyundai I20 WRC? A juventude dos pilotos da Ford será benéfica ou passarão mais uma temporada sem sucesso?

É claro que não somos adivinhos, mas tentamos ajudar nas respostas com a nossa previsão do que poderá ser a temporada de 2015 do WRC. Que venha o espetáculo!

Em equipa que ganha não se mexe, lá diz o ditado. A Volkswagen parte como a grande favorita a vencer o campeonato do mundo de ralis, tanto por pilotos como construtor. É a todos os níveis o alvo a abater por parte da concorrência. A marca alemã possui um plantel de luxo, onde inclui os dois melhores pilotos da actualidade, Ogier e Latvala, e o jovem Mikkelsen que começa a intrometer-se entre os mais rápidos, tudo isto aliado ao melhor carro do WRC. O Polo é sem dúvida a melhor “montada” do pelotão e há quem diga que esta temporada se apresentará ainda mais competitivo (se é que é possível), para mal do resto do pelotão, que se já sentia dificuldade em acompanhar o seu andamento. Ogier parte de forma legitima como o grande favorito a revalidar o título mundial (seria o 3º consecutivo), mas tem de contar com um Latvala sempre incómodo, que se mantiver o ritmo da temporada transacta, mas sem saídas de estrada, poderá originar uma grande luta interna. Ogier não parte sozinho na corrida ao titulo, disso temos a certeza. Poderá ter a vida facilitada se o seu companheiro de equipa for, com tem sido habitual durante estes anos…à vala.

Quanto a Mikkelsen, cada vez mais a sair da sombra dos seus colegas, falta apenas mais consistência e regularidade para ombrear com os mais rápidos. Parte para a 3ª temporada a tempo inteiro e tem condições para fazer resultados bem interessantes e não ficaremos surpreendidos em vê-lo no pódio em alguns ralis. Uma tripla muito forte, o melhor carro e o campeão do mundo em título. Senhores e senhores, é a Volkswagen de 2015.

6e3c6-ostberg-citroen-mexico-2014-440x310A Citroen parte para a esta temporada com a confiança reforçada. Embora os resultados de 2014 não tenham sido brilhantes, há esperança num piloto que evoluiu muito e que “a espaços” poderá dar trabalho aos homens da Volkswagen. Falamos de K. Meeke. O piloto britânico vem de uma temporada de altos e baixos, o que acaba por ser normal pois, apesar da sua idade já “madura”, Meeke fez apenas a sua primeira temporada em regime “full time” no WRC. O piloto da Citroen terá este ano maior à-vontade, melhor conhecimento do que é correr um mundial de ralis, bem como a experiência acumulada na temporada de 2014, o que poderá ser essencial para a realização de uma boa temporada. Uma boa época seria um lugar final entre os 3 primeiros, o que é perfeitamente possível e, quem sabe, chegar à sua primeira vitória no WRC, que já esteve bem próxima na época passada. Piloto rápido, muito completo, conhecido pela sua versatilidade, adaptando-se rapidamente a todas as condições de prova, poderá ter em 2015 o ano da confirmação. Um piloto de excelência que, injustamente, chegou tarde ao mais alto nível dos ralis.

No segundo Citroen também não existe novidades. M. Ostberg mantém o seu lugar, esperando-se uma evolução por parte do piloto, que continua a adaptar-se a esta montada. O próprio já admitiu, que o carro não se encaixa bem no seu tipo de condução mas, ainda assim, depois de um ano de experiência com o Ds3 WRC, é de esperar melhores resultados do piloto norueguês, pelo menos nos ralis de terra e neve. Sabendo-se das limitações de Ostberg em pisos de asfalto, a marca francesa tem algumas alternativas. Loeb para já confirmou a sua presença em Monte Carlo mas acreditamos que poderá fazer mais uma ou outra aparição esta temporada, e o jovem piloto francês, S. Lefebvre, que irá fazer a temporada no WRC2, mas também irá realizar algumas provas pela equipa oficial da Citroen ao volante do Ds3 WRC. Ano importante para a marca francesa, e vitórias procuram-se.

Foto: M-Sport
Foto: M-Sport

Quanto à Ford será uma incógnita. Uma dupla de pilotos muito jovem, com poucos anos de experiência, mas em contrapartida com muita irreverência e sangue na guelra. O. Tanak está de volta ao patamar máximo dos ralis, substituindo o retirado M. Hirvonen. Dois anos depois da sua primeira aparição no WRC, onde os resultados não foram os melhores, o piloto Estónio voltou ao WRC2 para amadurecer as ideias e a condução. Veremos os resultados da “terapia” a que M. Wilson o sujeitou. É conhecida a sua rapidez em estrada, da mesma maneira que é conhecida a sua tendência em sair da mesma. É esperar para ver qual dos “dois Tanak´s” teremos em 2015. Em todo o caso é um regresso de saudar, pois o piloto Estónio tem já uma boa legião de fãs espalhada um pouco por todo o mundo, com a sua condução a ser atractiva aos olhos dos apreciadores do “maximum attack ”.

No segundo Ford temos outro jovem piloto. E. Evans vai para a sua segunda temporada no WRC, tendo servido o ano de 2014 de aprendizagem a esta nova realidade. Ainda assim, aqui e ali mostrou alguma evolução, que se espera que continue este ano. Evans é um piloto que consegue ser muito regular e essa poderá ser a chave do seu sucesso esta temporada.

Uma dupla de “incógnitas”, é o que temos nesta Ford versão 2015. Pessoalmente gosto desta aposta, em resultados práticos apenas o decorrer da época o dirá.

Quanto ao Ford Fiesta RS WRC espera-se um novo modelo que poderá ser estreado no rally de Portugal, podendo ser uma arma para a segunda metade da temporada.

Foto: Hyundai
Foto: Hyundai

Por último temos a mais recente entrada no mundial do WRC, a Hyundai, que arranca para esta segunda temporada com o I20 WRC de forma calculista. A grande novidade é mesmo a presença de Sordo a tempo inteiro esta época mas com T. Neuville a ser a principal arma da marca coreana.

A temporada transacta ofereceu a Hyundai a sua primeira vitória no WRC, espera-se portanto para o ano de 2015 uma maior competitividade do I20. Tanto D. Sordo como T. Neuville têm qualidade e velocidade para andar entre os mais rápidos, assim a montada o permita, e 2015 assume-se como importante no desenvolvimento deste projecto no mundial de ralis.

A equipa conta ainda com H. Paddon a partir do rally da Suécia, dando continuidade á evolução do piloto da Nova Zelândia, depois de ter deixado boas indicações no decorrer da última época.

Certamente não teremos uma Hyundai candidata ao titulo mas podermos ter uma aproximação aos homens mais rápidos, e que sabe sonhar com mais uma vitória num rally, algo que  Sordo e Neuville não descartariam.

São 4 construtores, 13 ralis e um título em disputa. Começa na 5ª feira a “roleta” do WRC e nós continuamos a acompanhar e a antever o que poderá acontecer na temporada de 2015 que está ai à porta.

Continue a seguir-nos na nossa página de facebook, bem como no nosso blog, https://chicanemotores.wordpress.com/ com tudo o que precisa de saber sobre o mundial de ralis. Amanhã estamos de volta com a antevisão do rally, os horários e os inscritos para a mais mítica das provas de rally de todo o mundo, o Rally de Monte Carlo.

Até lá não se esqueçam…if in doubt flat out!!!

 

Carlos Mota

 

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.