F1: GP da China – Hamilton de volta às vitórias.

foto: Mercedes
foto: Mercedes

Tal como esperado, o domínio da Mercedes voltou a sentir-se em terras chinesas. Lewis Hamilton regressou às vitórias, numa corrida onde liderou de inicio ao fim, sem nunca ter sido colocado em perigo pelo seu colega de equipa, Rosberg terminou em 2º, ainda sem argumentos para se chegar ao britânico. Em 3º, Vettel confirmou que a Scuderia é de facto a equipa mais próxima da Mercedes. Seguiram-se Raikkonen e Massa a fechar o top5.

 

Na largada, Hamilton adoptou uma postura muito agressiva e conseguiu defender-se de Rosberg. Mais atrás Vettel mantinha o 3º e o seu colega de equipa, com uma largada excelente conseguiu passar os Williams ficando com o 4º lugar. Ricciardo teve uma péssima largada, tal como Kvyat e acabaram por ficar nas últimas posições, ficando a lutar com os McLaren nas primeiras voltas. Massa, que tinha passado por Bottas nas primeiras curvas, conseguiu subir para 5º, devolvendo a ultrapassagem ao finlandês.

Depois de passarem os McLaren e com estratégias diferentes, Kvyat e Ricciardo iniciaram uma luta acesa. O russo recebeu ordens para deixar passar Ricciardo, mas Kvyat fez questão de ignorar a ordem e deu bastante trabalho ao australiano, custando muito tempo a ambos.

Mais à frente os Lotus mostravam grande ritmo e tanto Grosjean como Maldonado passaram pelos Sauber, colocando-se em excelente posição para conquistar os primeiros pontos.

foto: Ferrari
foto: Ferrari

A volta 10 via a primeira desistência com Hulkenberg a encostar o seu Force India devido a um problema de caixa,

 

No final da volta 10 Hamilton liderava, seguido de Rosberg, Vettel, Raikkonen, Massa, Bottas, Grosjean, Maldonado, Nasr e Ericsson.

 

Na volta 12, a via das boxes foi estreada pela Sauber e de seguida pela Lotus. Vettel foi o primeiro dos homens da frente a trocar de pneus, tentando assim chegar-se aos Mercedes, sem sucesso.

Na volta 16 Kvyat, com problemas de motor era obrigado a desistir, ficando a Renault mais uma vez mal na fotografia.

Verstappen, com um par de excelentes ultrapassagens, mostrava o seu talento e colocava-se em excelente posição para pontuar, ao contrário do seu colega de equipa, que com um erro não forçado ( pião na curva 1) ficou para trás e nunca mais se viu. Pela primeira vez Sainz meteu o pé na argola e a partir dai perdeu-se em pista.

foto: Lotus
foto: Lotus

A meio da corrida deu-se o caso do dia. Hamilton em modo poupança, impunha um ritmo baixo e Rosberg queixou-se disso. O britânico levou um aviso da equipa que, se não melhorasse iria perder a prioridade na boxe. E foi mesmo isso que aconteceu. Rosberg foi o primeiro a ir para as boxes, mas nessa altura Hamilton faz 2 voltas canhão e ganhou vantagem suficiente para se manter na frente, numa jogada estratégica muito boa do britânico.Mas esta jogada vai azedar ainda mais a relação entre os dois, pois Rosberg queixou-se bastante e insinuou que Hamilton fez de propósito. Vettel tinha parado um par de voltas antes, mas não tinha andamento para passar os Mercedes, embora tenha-se mantido sempre perto, o que pode ser considerado uma vitória para a equipa. No entanto os pneus mais duros não beneficiaram os Ferrari e foi a partir da última troca de pneus que a corrida ficou decidida.

O resto da corrida foi um pouco mais calma, com Maldonado a animar as hostes. Depois de ter feito boas ultrapassagens e estar confortável nos pontos, o venezuelano falhou completamente a travagem na entrada para as boxes ( algo que já começa a ser hábito) e perdeu muito tempo. Como se isso não chegasse, na volta de saída das boxes, voltou a errar e sair de pista perdendo mais tempo. Logo hoje que estava preparado para o elogiar.

Ricciardo, lutando como pôde, conseguiu passar Ericsson e alcançar assim o 10º. Pouco depois, Button com uma manobra mal calculada bateu contra Maldonado, levando à desistência do piloto da Lotus.

foto: Toro Rosso
foto: Toro Rosso

A corrida teve um final antecipado, com o motor de Vertappen a explodir espectacularmente na recta da meta a duas voltas do fim, levando a entrada do Safety Car. A tentativa dos comissários de colocar o carro dentro da via das boxes foi hilariante, tendo em conta as vezes que o carro bateu contra o portão.

 

No final, vitória merecida de Hamilton, seguido de Rosberg e Vettel. Destaque para Grosjean que fez uma excelente corrida e conquistou os primeiros pontos, Verstappen que mostra o seu talento e a cada corrida nos faz engolir as nossas palavras e não fosse a falha do motor teria marcado mais uns merecidos pontos e Raikkonen que poderia ter chegado à Vettel, não fosse a entrada do Safety car.

 

Destaque também para a forma como Hamilton gozou com Rosberg nas entrevistas finais. O alemão estava furioso, dizendo que Lewis fez de propósito ao correr mais lentamente, colocando-o à mercê de Vettel. A cara de Hamilton, qual miúdo que sabe que acabou de pregar uma partida, diz bem que a vantagem psicológica neste momento está completamente do lado do britânico. Era a novela que precisávamos para animar ainda mais este ano.

Classificação final:

 

1 Lewis Hamilton Mercedes 1:39:42.008
2 Nico Rosberg Mercedes 2:32.533 0.700 2
3 Sebastian Vettel Ferrari 2:33.156 2.900 2
4 Kimi Raikkonen Ferrari 2:33.472 3.800 2
5 Felipe Massa Williams 2:19.560 8.500 2
6 Valtteri Bottas Williams 2:16.076 9.800 2
7 Romain Grosjean Lotus 19.000
8 Felipe Nasr Sauber 22.600
9 Daniel Ricciardo Red Bull 32.000
10 Marcus Ericsson Sauber 2:33.071 1 lap 2
11 Sergio Perez Force India 2:33.242 1 lap 3
12 Fernando Alonso McLaren 2:20.651 1 lap 2
13 Jenson Button McLaren 2:21.530 1 lap 2
14 Carlos Sainz Toro Rosso 2:17.853 1 lap 2
15 Will Stevens Manor 2:10.902 2 laps 2
16 Roberto Merhi Manor 1:55.913 2 laps 2
17 Max Verstappen Toro Rosso 1:44.392 4 laps 2
18 Pastor Maldonado Lotus RETIRED
19 Daniil Kvyat Red Bull RETIRED
20 Nico Hulkenberg Force India RETIRED

 

 

Fábio Mendes

 

 

2 pensamentos sobre “F1: GP da China – Hamilton de volta às vitórias.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.