MotoGP – GP Américas: Márquez foi mais forte que a concorrência

foto:facebook.com/marcmarquez1993

Com mais de meia hora de atraso devido a água acumulada na pista americana, o G.P. das Américas teve o seu inicio. Marc Márquez, o homem da pole impressionante de ontem, chegou à primeira curva na frente, mas por pouco tempo, já que o piloto italiano da Ducati, Andrea Dovizioso, passou-o e liderou a corrida durante algumas voltas. Valentino Rossi era 3º, com Bradley Smith logo colado à roda traseira de The Doctor. Tínhamos falado dos dois pilotos da Monster Yamaha Tech 3 na sexta feira, na nossa antevisão e Smith deu-nos razão. Já o seu colega de equipa, Pól Espargaró foi levado à frente por Scott Redding e teve de desistir.

Jorge Lorenzo estava mais para trás e parecia que o espanhol estaria arredado da luta pelo pódio. O espanhol sofreu uma gripe na Sexta e ainda não estava bem para a corrida. Mas logo tratou de passar os pilotos à sua frente, apenas não conseguindo passar Andrea Iannone. No início… porque no final, o ex-campeão do Mundo, ficou na 4ª posição, atrás de Rossi.

foto:facebook.com/dovi4

Mais ou menos a meio da corrida, Márquez estava sempre colado a Dovizioso e ultrapassou-o, colocando o italiano na mira de Rossi. Iannone ainda tentava segui-los mas começava a ficar atrasado. Desde que Márquez recuperou o primeiro lugar, não mais de lá saiu.

Rossi ainda conseguiu ultrapassar Dovizioso, mas este, numa manobra um pouco ao estilo do próprio Rossi (numa altura em que o pneu dianteiro da Yamaha estava bastante danificado), ultrapassou o piloto da Yamaha nos Esses. Lorenzo tratou de passar Iannone e o quinteto da frente não sofreu mais alterações. Márquez terminou a corrida com uma vantagem de mais de 2 segundos para “Dovi”.

A destacar o 8º e 9º lugares das duas Suzuki, com um belo resultado para os estreantes.

Top 10 do G.P das Américas:

1. M. Márquez

2. A. Dovizioso

3. V. Rossi

4. J. Lorenzo

5. A. Iannone

6. B. Smith

7. C. Crutchlow

8. A. Espargaró

9. M. Viñales

10. D. Petrucci

Pedro Mendes

2 pensamentos sobre “MotoGP – GP Américas: Márquez foi mais forte que a concorrência

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.