Pódio do Fim de Semana

Um fim de semana muito emocional para nós, portugueses. Pela primeira vez tivemos um piloto nacional a vencer no mundial de motociclismo. Ouvir a Portuguesa num Domingo de manhã, à custa de um jovem de 20 anos, foi bestial e por isso mesmo, Miguel Oliveira ascendeu a outro pódio para além de Mugello: ao do Chicane Motores. Não esquecendo também as provas de DTM, TUSC, Indycar Series e Nascar a juntar ao MotoGP

#1 Miguel Oliveira

foto in: facebook.com/migueloliveira44
foto in: facebook.com/migueloliveira44

Podemos escrever uma série de elogios ao jovem piloto, mas não é necessário, Oliveira vai constar para sempre na história do motociclismo nacional, ao ser o primeiro português a vencer uma prova do mundial. Basta isso para descrever Miguel Oliveira, mas temos a certeza que ainda conseguirá muito mais, muito mesmo!

O fim de semana começou mais ou menos bem, com Oliveira com o 4º melhor tempo na FP2, mas foi só isso. Parecia um fim de semana para esquecer do português, mesmo até meio da corrida. Os seus colegas de equipa na Red Bull KTM Ajo estavam no grupo da frente, com o potencial de chegarem a um pódio e lá trás estava o #44. Onde foi Oliveira buscar toda aquela força, apenas ele poderá dizer, mas que exultamos com a excelente recuperação, ai isso foi! Posso afirmar que gritei como se tivesse ganho o Euromilhões!

Basta ver como Miguel Oliveira se atravessa à frente de todos na travagem para a última curva da última volta, para saber como ele queria ganhar a corrida… Venham mais vitórias!

#2 Jamie Green

Foto: facebook DTM
Foto: facebook DTM

Duas vitórias em tantas corridas durante o fim de semana, fazem com que Jamie Green mereça estar no nosso pódio. Para além do 2º lugar da qualificação de Sábado e a pole position para a segunda corrida. Um fim de semana francamente bom para o britânico que teve apenas que se cuidar com os pilotos da Audi.

São já 3 corridas ganhas em 4 disputadas, o que o torna o líder do campeonato e por uma margem considerável, com 17 pontos de vantagem para o “monstro” Mattias Ekström. Ninguém tem dúvidas que está na luta pela título e que, neste momento, é o piloto mais forte do DTM.

#3 Jorge Lorenzo

foto: MotoGP
foto: MotoGP

De volta às motos, desta vez para agraciar Jorge Lorenzo com o último lugar do nosso pódio. O espanhol venceu o GP de Itália em casa de Rossi e Iannone, os dois pilotos que terminaram atrás dele. Aliás, Iannone podia receber este nosso 3º lugar com facilidade, já que fez uma corrida fantástica e com uma lesão forte no braço.

Lorenzo para além de vencer a prova, terminou a corrida com uma vantagem larga, que deu para ele ir indo agradecer ao público ainda antes de cruzar a meta. São três vitórias consecutivas e que colocam-no em luta directa com o colega de equipa, Valentino Rossi para o título mundial.

Drive Through – BMW (DTM)

Foto: facebook DTM
Foto: facebook DTM

Em 2014 eram os carros mais fortes dos campeonatos, mas esta época está a começar muito mal mesmo. O melhor que conseguiram fazer este fim de semana, foi colocar Maxime Martin no 7º lugar na corrida 1. A melhor equipa da marca, é a BMW Team RMG, a equipa de Martin e do campeão em título, Marco Wittmann, mas apenas em 7º lugar da classificação de equipas. No top 5 por equipas há 4 Audi´s e 1 Mercedes. Por pilotos o melhor BMW ( Martin) aparece em 8º.

É um arranque muito fraco para uma marca que tanto conseguiu o ano passado e principalmente, para quem tem o melhor line up do campeonato. Os carros parecem sem ritmo e estão a anos luz dos Audi. Precisam de melhorar bastante e depressa.

 

Pedro Mendes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.