Moto3: Corrida com direito a duas partidas

A corrida começou muito bem a corrida para Miguel Oliveira. O português largou de 12º mas recuperou várias posições, juntando-se aos seus colegas da KTM Ajo e ficando muito perto da liderança. O esforço foi um pouco em vão, porque perto do final da primeira volta a corrida foi interrompida devido a dois acidentes. O primeiro acidente logo na curva 1, com 4 pilotos envolvidos e sem gravidade, e o segundo acidente, mais grave porque G. Rodrigo foi evacuado para o centro médico do circuito. A corrida foi encurtada pela organização, para 12 voltas com direito a novo procedimento de partida.

22282_925453387485734_7985438816890025883_nNa segunda largada do dia, Oliveira não foi tão eficaz, sentindo alguma dificuldade para sair da 11º posição que conquistou na partida. Os suspeitos dos costume começavam a fazer fila para a liderança e o português também não queria faltar à festa.

O grupo da frente era composto por cerca de 11 pilotos, entre os quais, Miguel Oliveira, Danny Kent, Niccolo Antonelli, Enea Bastianini, Romano Fenati e Jorge Navarro. As duas Honda da Leopard, com Kent e Efren Vazquez, comandavam o grupo, mas atrás estavam todos de “faca nos dentes” e foram vários os toques.

Oliveira passou pela liderança da corrida e parecia ter ritmo para aguentar uma posição no pódio, com Binder numa excelente corrida. Já não víamos o sul africano assim à algum tempo. Quem parecia estar fora de ritmo era Danny Kent, que ainda passou por algumas situações complicadas, principalmente num toque em Jorge Navarro.

Na última volta, Oliveira ficou pressionado por vários pilotos e não conseguiu segurar nem defender a posição, ficando vulnerável logo na primeira curva, caindo para 7º.

Antonelli era primeiro com alguma vantagem para os demais. Bastianini tentou, mas não conseguiu chegar-se ao seu compatriota, tendo que defender mais que atacar. Brad Binder atacou na curva 10 e conseguiu ficar na roda de Bastianini, garantindo o último lugar do pódio.

Oliveira ainda foi ultrapassado por Danny Kent na última curva, mas no geral foi uma corrida positiva para o português e uma corrida fantástica de Moto3. Venceu o piloto que conseguiu a pole position e Brad Binder mereceu o pódio por tudo o que fez durante a corrida.

Classificação da corrida de Moto3 em Brno

fonte: motogp.com
fonte: motogp.com

Pedro Mendes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.