WTCC – Corrida do Japão: Monteiro vence e ouve a Portuguesa pela 2ª vez este ano.

A primeira corrida foi muito interessante de seguir com boas lutas mas o top 3 ficou cedo definido. A corrida dois foi intensa, emocionante e teve um português a brilhar. Depois da desilusão de Vila Real, Monteiro vingou-se e venceu no Japão.

 

Corrida 1

foto: FIA WTCC
foto: FIA WTCC

Pechito teve uma excelente largada e mesmo pressionado por Michelisz, conseguiu passar pelo Honda da Zengo. Atrás de si, ficou Tarquini, que mais uma vez conseguiu fazer uma excelente largada, ficando definido o top3 para o resto da corrida. No entanto, os Hondas conseguiram manter-se sempre por perto do Citroen, ficando a diferença abaixo de 1 seg nas voltas iniciais. O trio líder impôs um ritmo muito forte e voou para longe da concorrência, que era constituída por Muller, Ma e Loeb.

Mais atrás, Tiago Monteiro iniciava a sua recuperação, tendo largado do último lugar do grid e passou com facilidade os Chevrolet  que seguiam à sua frente até ficar na traseira de Huff. Aí a conversa foi diferente e o piloto britânico mostrou o porquê de ser um dos melhores, não dando hipótese ao piloto português.

Fora da corrida tinham ficado já Coronel e Chilton que, estranhamente, tiveram saídas de pista semelhantes, na mesma curva, com apenas uma volta de diferença, obrigando os mecânicos da ROAL a trabalho extra para a corrida 2. Segundo Coronel, o seu Chevy ficou sem travões tal como Chilton. Este traçado é muito exigente nos travões e os Chevrolet mostraram-se muito fracos neste aspecto. Nick Catsburg também fez um pião logo no início da corrida e foi obrigado a regressar a box para ter a certeza que o carro estava preparado para a corrida 2.

foto: FIA WTCC
foto: FIA WTCC

Hugo Valente, que seguia em 8º, passou a ter a companhia de Huff e Monteiro e sofreu muito para manter os adversários atrás de si. Um esforço inglório pois tanto Huff como Monteiro passaram pelo francês, numa clara mostra que os Chevy não se deram bem com este traçado.

No “grupo dos Citroen”, Ma fez por piorar o dia para Muller, passando pelo francês. Muller esteve mal durante a corrida fazendo tempos não muito bons, algo provado pela forma como Ma passou por ele.

 

No final, Pechito venceu merecidamente, seguido por MIchelisz e Tarquini, num excelente pódio para a Honda.

Top 10 da corrida 1:

01 José María López 13 Laps
02 Norbert Michelisz +3.081
03 Gabriele Tarquini +4.314
04 Ma Qing Hua +10.421
05 Yvan Muller +11.812
06 Sébastien Loeb +12.108
07 Mehdi Bennani +14.677
08 Robert Huff +22.108
09 Tiago Monteiro +23.409
10 Hugo Valente +29.352

Corrida 2

 

934810_687525124681017_7214274650164961588_n (1)
Foto: FIA WTCC

A chuva ameaçou cair mas no inicio da corrida a pista apresentava-se seca.

Monteiro fez uma excelente largada, assumindo desde inicio a liderança da corrida, seguido de Valente e Muller. Catsburg caiu muito na primeira volta, mas os problemas habituais na largada para os Lada não permitiram mais. Pouco depois, Lopez aparecia com um pneu furado, estragando todas as hipóteses de obter mais pontos na corrida dois, dando assim motivação extra a Muller para recuperar terreno na classificação.

Enquanto Monteiro voava na frente, Muller tentava passar Valente e era ao mesmo tempo pressionado por Tarquini, que ainda usou um pouco do “veneno” de Muller, dando-lhe um toque na traseira, com o francês a segurar o Citroen. Pouco depois, Ma fez uma ultrapassagem espectacular a Tarquini, ficando atrás de Muller por pouco tempo pois Tarquini tratou de atirar o chinês para fora de pista.Com isto Huff ficou em 4º lugar.

 

foto: FIA WTCC
foto: FIA WTCC

Entretanto o capô do Citroen de Muller soltou-se, depois de um toque em Valente e ficou com a parte esquerda levantada, dificultando sobremaneira a tarefa de Muller, que foi obrigado a recolher às boxes para colocar fita cola na parte estragada do seu carro, subindo Huff para 3º, Tarquini para 4º e Loeb em 5º, que tratou de passar o italiano pouco tempo depois, iniciando a pressão sobre Huff na luta pelo último lugar do pódio. Mas Tarquini não gostou e tratou de ultrapassar Loeb na última volta. Mas Loeb não desistiu e lutou até ao último metro. O Honda e o Citroen acabaram lado a lado, com vantagem para o francês, terminando da melhor maneira uma luta espectacular.

 

No final, Monteiro venceu, com uma excelente prestação, dominando por completo, seguido de Valente e Huff. Uma vitória merecida, com uma corrida liderada de fio a pavio e mais uma prova (se é que ela é necessária) que Monteiro é dos melhores do grid do WTCC,

 

foto: FIA WTCC
foto: FIA WTCC

A Honda mostrou-se muito forte em casa, com um excelente pódio na primeira corrida e uma vitória sem espinhas na segunda corrida. Para a Citroen foi um bom fim de semana com Pechito quase a carimbar o seu título, depois do erro de Muller que o impediu de lutar pela vitória na corrida dois. Huff voltou a levar a Lada ao pódio em mais uma excelente prestação e os Chevrolet tiveram um fim de semana para esquecer e mais uma vez foi Valente a contrariar a “moda” fazendo um excelente pódio, quando todos os outros Chevy mostraram pouco andamento.

A próxima ronda é na China, de 25 a 27 de Setembro.

 

Top 10 da corrida 2:

01 Tiago Monteiro 13 Laps
02 Hugo Valente
03 Robert Huff
04 Sébastien Loeb
05 Gabriele Tarquini
06 Ma Qing Hua
07 Tom Chilton
08 Tom Coronel
09 Nicolas Lapierre
10 Stefano D’Aste

 

Fábio Mendes

Um pensamento sobre “WTCC – Corrida do Japão: Monteiro vence e ouve a Portuguesa pela 2ª vez este ano.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.