WTCC – Citroen retira-se da comeptição no final de 2016

12196347_704511496315713_2528639679167860517_nEram esperadas grandes mudanças do lado dos franceses. O grupo PSA Peugeot-Citroen prometeu que iria rever a sua participação no desporto motorizado e falava-se no abandono de uma categoria. Da nossa parte esperava-se que a saida fosse do WRC. O campeonato está pouco competitivo e a Citroen já provou que consegue fazer grandes carros de ralis e não tinha mais nada a provar a ninguém. E o WTCC apresentava-se como uma modalidade mais apelativa, agora com a entrada da Volvo e a possível entrada da Kia.

 

Mas para grande surpresa, a Citroen anunciou que irá retirar-se do WTCC no final de 2016. O desafio dos novos carro de WRC para 2017 pareceu mais apelativo para a marca que decidiu assim desligar a ficha do WTCC. O WRC vai também tentar estabelecer-se na China e assim a marca não precisa mais do WTCC para fazer publicidade naquele mercado.

A Citroen irá apenas apresentar-se com 2 carros em 2016, com os pilotos a serem José Maria Lopez e Yvan Muller. Loeb passará para o programa de  Cross-Country Rally World Cup assim como a sua participação no Dakar.

1385789_912277618840156_147246218746161085_nFoi anunciado também que a Citroen irá ficar de fora do WRC em 2016 de forma a concentrar-se a 100% no carro de 2017, o que não deixa de ser muito surpreendente. 

 

É um golpe muito grande para o WTCC. A entrada da Citroen foi um balão de ar para uma competição que ameaçava ficar à parte, pois o interesse era cada vez menor. A entrada da Citroen e de Loeb fizeram as luzes voltarem-se de novo para o WTCC e com a entrada da Volvo e a possível entrada da KIA, o campeonato de turismos parecia lançado para uma nova época de ouro. Com a saída da Citroen em 2017, fica de fora um dos nomes grandes dos últimos anos e que poderia proporcionar grandes lutas em pista.

 

A confirmar-se a saída do WRC temporariamente em 2016, o próximo campeonato de ralis promete ser algo aborrecido.

 

Mas que ninguém duvide que em 2017 a Citroen se irá apresentar muito forte, que se apresentará com um carro que usará uma evolução do motor que equipa o C-Elysée WTCC.

 

Fábio Mendes

Um pensamento sobre “WTCC – Citroen retira-se da comeptição no final de 2016

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.