F1 – Breves

 

Lotus com a corda ao pescoço

 

Foto: Facebool Lotus
Foto: Facebool Lotus

A equipa de Enstone vive momentos muito difíceis.  Durante o ano foram constantes os problemas financeiros com repercussão directa no funcionamento da equipa. No entanto os engenheiros, pilotos e todo o staff continuaram de forma corajosa durante todo o ano a dar o melhor. A esperança veio em Setembro quando a Renault assinou um documento que mostrava a intenção de comprar a Lotus.

Mas desde essa altura que o processo estagnou. A Renault e a RedBull reataram conversações  para o fornecimento de motores em 2016, estando várias hipóteses em cima da mesa, mas o processo Lotus parou. As negociações com a FOM correram sem problemas mas os franceses estão a adiar compra. No fim de semana passado surgiram rumores que o processo finalmente deu um passo em frente e que a Renault iria avançar, mas até agora nada de oficial.

Uma coisa parece certa… se a Renault não comprar a Lotus, a equipa deverá abrir falência. Pelo menos é o que diz Bernie e ele melhor que ninguém poderá avaliar a situação. E dada a falta de liquidez da equipa, é um cenário que faz todo o sentido.

Para bem de todos, esperemos que a Reanult avance com a compra. Menos uma equipa na F1, mesmo com a entrada da Haas não é nada bom para o desporto.

 

 

Farto das guerras, Wolf pode mandar embora Hamilton ou Rosberg

 

foto:  Jon Noble
foto: Jon Noble

Pode parecer espantoso mas o chefe da equipa Mercedes Toto Wolf apontou o dedo aos seus pilotos e deixou um aviso claro… ou tratam de minimizar o conflito entre ambos ou então será obrigado a tomar medidas, sendo a mais provável a saída de um deles ou até dos dois.

Wolf admitiu claramente que o ponto fraco da equipa é a tensa relação que existe entre Hamilton e Rosberg. Outrora grandes amigos, a luta pelo titulo em 2014 deixou marcas profundas na relação entre os pilotos e 2015 nada mais fez que acentuar as divergências. Entre um Hamilton tri-campeão incontestado, com uma faceta algo arrogante a mostrar-se e um Rosberg com o orgulho ferido, o ambiente na equipa é difícil de gerir. Mesmo nos fins de semana vitoriosos, em que a equipa acabou com os dois no pódio (batendo o recorde preexistente), havia sempre um piloto contente e um com azia, o que se sente claramente na equipa. No ano passado era visível a divisão entre os dois lados da box da Mercedes e até surgiram rumores que havia engenheiros a esconder dados para beneficiar um piloto em detrimento do outro. O episódio de Spa foi a gota de água para Wolf que deixou um aviso claro aos pilotos. E desde aí que o chefe da equipa tem tentando gerir da melhor forma possível a situação. Por sorte Rosberg não esteve em forma a maior parte da época e o domínio de Hamliton foi incontestado. Mas com o ressurgimento do alemão, Lewis tem questionado sistematicamente as opções tácticas e mostrado descontentamento pela afinação do seu carro que desde Singapura nunca mais foi o ideal para o agora tri-campeão. Imagine-se agora uma época inteira assim!

foto: F1
foto: F1

Com este aviso Wolf diz claramente que a Mercedes consegue vencer sem eles e coloca grande parte do mérito nos engenheiros e no carro. Começa também a preparar o terreno para 2017. O contrato de Rosberg acaba no fim de 2016 (mais uma época como a de 2015 poderá ditar o adeus para o alemão) e Hamilton tem mais um ano que o seu colega de equipa mas 2017 é o ano da entrada dos novos regulamentos e a altura indicada para uma renovação no line up. Wehrlein poderá ser uma hipótese, mas não podemos esquecer que Verstappen é a jóia que todos querem contratar e que há jovens pilotos com muito talento na calha para entrarem na F1.

Wolf mostra também que está preocupado com a Ferrari. A Scuderia tem melhorado gradualmente e é um facto que todos esperam que para o ano, os italianos desafiem os germânicos na luta pelo titulo. E se as coisas forem renhidas como se espera e deseja, a Mercedes não se pode dar ao luxo de ver as inevitáveis ordens de equipa serem recusadas e contestadas. Este é um aviso que os interesses da equipa estão em primeiro lugar e que o ego dos pilotos não pode colocar em causa os objectivos da Mercedes.

 

Pirelli contente com o teste em Abu Dhabi

 

foto: Scuderia Ferrari
foto: Scuderia Ferrari

O director desportivo da Pireli, Paul Hembery mostrou-se satisfeito com os testes feitos no circuito de Yas Marina, onde a marca italiana trabalhou os novos pneus ultrasoft. A nova proposta deverá ser usada nos traçados citadinos apenas, para permitir novas estratégias. Estes pneus ultrasoft prometem ser mais aderentes e com um tempo de duração menor. Embora satisfeito com os resultados, Hembery diz que a arquitectura dos pneus pode ainda ser modificada para 2016.

As equipas rodaram várias variações dos ultrasoft, sem no entanto saberem que tipo variação era para não serem beneficiadas no futuro.  No final do dia foi Vandoorne da McLaren que estabeleceu o melhor tempo de forma algo surpreendente.

 

Tabela de tempos dos treinos:

01 Stoffel Vandoorne McLaren 1:44.103   99
02 Kimi Raikkonen Ferrari 1:44.456 0.353 56
03 Marcus Ericsson Sauber 1:44.480 0.377 50
04 Jolyon Palmer Lotus 1:44.568 0.465 90
05 Sebastian Vettel Ferrari 1:44.940 0.837 56
06 Pascal Wehrlein Mercedes 1:45.605 1.502 107
07 Daniel Ricciardo Red Bull 1:45.805 1.702 57
08 Max Verstappen Toro Rosso 1:45.849 1.746 54
09 Nico Hulkenberg Force India 1:45.852 1.749 71
10 Valtteri Bottas Williams 1:45.940 1.837 103
11 Daniil Kvyat Red Bull 1:46.309 2.206 48
12 Carlos Sainz Toro Rosso 1:46.995 2.892 56
13 Adderley Fong Sauber 1:48.439 4.336 57
14 Alfonso Celis Force India 1:48.545 4.442 65
15 Rio Haryanto Manor 1:49.593 5.490 56
16 Jordan King Manor 1:49.661 5.558 59

 

 

Fábio Mendes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.