Breves – FE, ETCC, WTCC e F1

Equipa Trulli Formula E sai, entra a Jaguar

1450173419Ontem foi notícia a saída do line up da Fórmula E da equipa Trulli, isto porque a equipa falhou a entrada nos Grande Prémio da China e da Malásia por falhas técnicas nos seus monolugares.
A Formula E Holdings não ficou parada, e conforme Alejandro Agag afirmou ontem, a saída da equipa do antigo piloto italiano de F1, abriu portas para outras que estivessem interessadas. Como tal, hoje foi anunciada a vinda de um nome incontornável do desporto motorizado, a Jaguar.

A Jaguar Land Rover, em associação com a Williams Advanced Engineering, esteva já interessada no ingresso no campeonato de veículos eléctricos e as negociações tinham meses e com a saída de uma das equipas, o caminho estava aberto. A partir da próxima época poderemos assistir ao retorno dos monolugares verdes British racing.

Conduzir um WTCC será prémio para o vencedor do ETCC

12316387_905046082866092_9154670024115906757_n
fonte: FIA ETCC

O próximo vencedor do Europeu de Turismos terá como um dos prémios da vitória, o lugar num WTCC numa das rondas europeias do mundial. Para além da oportunidade de poder competir num nível mais forte, o piloto campeão europeu terá também um curso de pilotagem avançado e um prémio monetário de 150.000€.
A Eurosport Events e a Yokohama assumirão as despesas com o prémio monetário, esperando que o piloto possas “subir” para o mundial.

 

O europeu será composto por 6 provas e visitará Vila Real e Nordschleife juntamente com o WTCC em 2016.

Thed Björk e Fredrik Ekblom serão os pilotos da Volvo no WTCC

12310703_1262050933820380_559246076725324600_n
fonte: Polestar Cyan Racing

A Polestar Cyan Racing anunciou ontem a sua dupla de pilotos para a primeira época no WTCC. São eles Thed Björk e Frederik Ekblom, dois suecos com alguma experiência no WTCC.
Björk conduziu um WTCC na ronda de Xangai em 2013 e Ekblom conduziu por 6 vezes o BMW da BMW Team UK em 2007.

 

Thed Björk, 4 vezes campeão no super competitivo campeonato sueco de turismos e Frederick Ekblom, também ele campeão do STCC por 3 vezes, têm acordo formado com a Polestar Cyan Racing por alguns anos, anunciou o CEO da Cyan Racing, Christian Dahl.

Hamilton admitiu não se ter conseguido concentrar na Hungria

Lewis-Hamilton-Mercedes-2015-F1-testing-Barcelona-8O bi-campeão do Mundo de F1, admitiu hoje em entrevista, que teve dificuldades em concentrar-se durante o GP da Hungria. Em causa está a visita realizada na manhã da corrida ao local das filmagens do filme de Ridley Scott, “Perdido em Marte”. O britânico disse que não conseguiu adormecer antes da 1h da madrugada por estar em “pulgas” com o convite do realizador.

O piloto, segundo as suas próprias palavras, sentiu que nas primeiras voltas não estava bem e sabia o porquê. Na corrida húngara, Lewis Hamilton largou de 1º mas perdeu a posição logo a seguir, terminando apenas na 6º posição, tendo chegado a rodar em 10º.

 

Pedro Mendes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.