WTCC  – Corrida de França: Honda aproveitou da melhor forma o peso da Citroën

 

Foto: Honda Racing
Foto: Honda Racing

Começou um dos mais aguardados campeonatos do WTCC dos últimos anos. A época de  2016 trazia muitas novidades e os fãs com certeza não ficaram desiludidos com a primeira ronda. Vale a pena passar em revista os principais pontos de interesse do fim de semana.

Para começar tivemos a estreia do MAC3 e conforme  esperávamos, a ideia parece ter muito potencial. Um conceito diferente e que não se encontra em mais nenhuma modalidade, que permite às equipas lutarem por mais pontos no campeonato de construtores. Não nos admirava nada que a ideia começasse a ser copiada a médio prazo. Ainda é cedo mas para já ficamos agradados com a maneira que se desenrolou o MAC3.

Mais importante ainda que a qualificação são as corridas e estas foram excelentes. Muita emoção, muitas ultrapassagens, pilotos a darem tudo em pista. Foi uma corrida a lembrar os velhos tempos do mundial de turismo. Quem viu não ficou desiludido. Bem pelo contrário, foi uma maravilha ter assistido a duas corridas tão competitivas.

Citroën – Andamento mascarado pelo peso

foto: CITROËN RACING MEDIA
foto: CITROËN RACING MEDIA

Era um dado adquirido para este início de ano. A Citroën iniciava a caminhada de 2016 com um lastro de 80kg e isso faria toda a diferença no andamento do carro. Lopez e Muller sentiram esse peso extra no final de ambas as corridas, numa altura em que os pneus e os travões acusaram o esforço extra de carregar 80Kg a mais. A situação obviamente que não agradou aos franceses, que afirmaram que apenas não foram mais dominadores devido à diferença considerável de peso, o que é uma verdade incontestável. Nada disso impediu que Lopez saísse de França com a liderança do campeonato, depois de ter sido claramente o melhor piloto da Citroen neste fim de semana. Na corrida 2 foi visível a diferença de andamento para Muller, que não se conseguiu aproximar de Pechito e ainda viu Monteiro passar para a sua frente. No reino da Citroen tudo está na mesma. A liderança foi alcançada e Pechito continua o melhor. E quando o lastro diminuir os C-Elysée vão voar.

 

José Maria Lopez – Nota 9

Yvan Muller – Nota 7

 

Honda – Aproveitar da melhor forma  o excesso de peso do adversário

foto: Honda Racing
foto: Honda Racing

Foi um fim de semana excelente para a Honda. Vitória na corrida de abertura, com dois carros no pódio final e mais dois carros no pódio na corrida principal. É difícil escolher entre qualquer um dos 3 pilotos da marca nipónica. Huff esteve brilhante na primeira corrida e na segunda meteu a faca nos dentes e fez uma recuperação fantástica, do último lugar até ao 6º. O britânico provou mais uma vez o porquê de ser um dos melhores pilotos de turismos do mundo. Michelisz foi o senhor regularidade. Foi 3º em ambas as corridas e justificou por completo a aposta da Honda no seu talento (não havia uma única pessoa que pensasse o contrário). E Monteiro mostrou toda a sua qualidade e experiência. Na corrida de abertura fez um par de excelentes ultrapassagens e na corrida principal despachou Muller à boa maneira dos turismos…no braço. Muita gente falava que para Monteiro vencer mais, faltava-lhe aquela dose de agressividade que caracteriza os pilotos de turismo. Ontem teve isso e deu a Muller uma dose do seu próprio veneno. Não foram poucas as vezes que o francês “abriu os cotovelos” para passar os adversários e ontem Tiago devolveu-lhe a “delicadeza”. É assim que gostamos do nosso Monteiro. Mas que ninguém faça a festa pois a Honda tem muito que trabalhar. Mesmo com menos 80Kg, não foram capazes de assegurar a pole nem o MAC3  e não há dúvidas que o melhor carro do grid é o Citroën. Quando o lastro dos franceses diminuir a Honda vai sofrer. Mas com pilotos assim vale a pena ver WTCC.

Rob Huff – Nota 9

Norbert Michelisz – Nota 9

Tiago Monteiro – Nota 9

 

 

Lada – Melhorias claras mas ainda longe do topo

12439407_771828296250699_6983599519316277759_nA Lada melhorou muito em relação ao ano passado. Os problemas de tracção parecem estar praticamente resolvidos e isso viu-se pela forma como Valente e Catsburg conseguiram passar por fora alguns adversários. No entanto a robustez não foi melhorada o suficiente e o toque de Tarquini na corrida de abertura é a prova disso, levando o italiano a desistir, com problemas na suspensão. Mas a Lada deu um passo muito bom no desenvolvimento do seu Vesta. Quanto aos pilotos, Valente e Catsburg  tiveram bons apontamentos, ao contrário de Tarquini que teve uma estreia para esquecer. Um toque na corrida de abertura obrigou à desistência e um erro na corrida principal atirou com Huff para fora de pista, sendo o italiano castigado justamente com um Drive Through.  Catsburg teve uma excelente luta com Coronel na primeira corrida, levando a melhor sobre o seu compatriota. Valente não deu tanto nas vistas em pista mas esteve também em bom nível. O pódio parece mais possível este ano, mas ainda estão longe do andamento da Honda e muito longe da Citroën.

Gabrielle Tarquini – Nota 5

Hugo Valente – Nota 7

Nick Catsburg – Nota 7

 

Volvo – Sem direito a sorte de principiante

13709_1354301707928635_6936204551523711440_nFoi um fim de semana difícil para a Polestar, que aprendeu várias lições da pior maneira. Logo no sábado, com a 10ª posição garantida e a pole para a corrida de abertura, os suecos viram essa possibilidade esfumar-se devido a uma irregularidade técnica (a altura do carro não estava segundo os regulamentos). Depois em corrida, Björk e Ekblom acusaram a falta de conhecimento da pista e dos adversários. Ekblom desistiu na primeira corrida e Björk teve a mesma sorte na segunda. Pareceu-nos que, tal como suspeitávamos, Björk é o melhor piloto deste par e deverá ser ele a dar mais alegrias à equipa em 2016. E pareceu-nos também que o ritmo da Volvo foi positivo. Esperávamos que lutassem mais directamente com a Honda, mas as circunstâncias não o permitiram. Embora os resultados tenham sido pobres, o S60 mostrou o potencial necessário para ser um caso sério a médio prazo.

 

Thed Björk – Nota 7

Fredrick Ekblom – Nota 6

 

Os privados – Coronel comandou as tropas

12938318_771757696257759_8677387692372834074_nFoi um Coronel espantoso o que tivemos em França. O holandês deu um “show” de condução na primeira corrida, lutando com todos os que quiseram partilhar a pista com ele. Na segunda corrida um mau arranque condicionou o resto da prova mas o Cruze da ROAL pareceu melhor do que se viu em 2015 e Coronel mostrou-se a um nível que já não se via há algum tempo. Na Loeb Racing, Benanni aproveitou a maior experiência com a máquina francesa e “deu na boca” aos colegas de equipa. Demoustier fez aquilo que se esperava dele e Chilton foi a grande desilusão da tarde pois esperávamos muito mais do britânico. Filippi mostrou aqui e ali alguns pormenores mas nada que nos fizesse levantar do sofá e Munnich ficou encarregue de “fechar o cortejo”. O homem teve de fazer 4 corridas num dia ( participou também na ronda do ETCC) por isso damos-lhe o desconto.

Mehdi Benanni – Nota 7

Gregoire Demoustier – Nota 6

Tom Chilton – Nota 4

John Filippi – Nota 5

René Munnich – Nota 4

Tom Coronel – Nota 8

 

Campeonato de pilotos:

 

1 LÓPEZ José María Argentina 38
2 MONTEIRO Tiago Portugal 34
3 HUFF Rob United Kingdom of Great Britain and Northern Ireland 33
4 MICHELISZ Norbert Hungary 30
5 BENNANI Mehdi Morocco 22
6 VALENTE Hugo France 16
7 CATSBURG Nicky Netherlands 15
8 MULLER Yvan France 15
9 BJÖRK Thed Sweden 6
10 CORONEL Tom Netherlands 4
11 CHILTON Tom United Kingdom of Great Britain and Northern Ireland 2
12 DEMOUSTIER Grégoire France 1
13 EKBLOM Fredrik Sweden 1
14 TARQUINI Gabriele Italy 0
15 FILIPPI John France 0
16 FICZA Ferenc Hungary 0
17 MÜNNICH René Germany 0
18 BRYANT-MEISNER John Sweden 0
19 NAGY Daniel Hungary 0

 

Campeonato de construtores

1 Honda 84
2 Citroën 83
3 LADA 46
4 Polestar 14

A próxima ronda do WTCC terá lugar na Eslováquia, no dia 17 de Abril.

 

 

 

 

Fábio Mendes

Um pensamento sobre “WTCC  – Corrida de França: Honda aproveitou da melhor forma o peso da Citroën

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.