F1 – Testes de Barcelona: Dia 4

Ao quarto dia de testes em Barcelona, o dia escolhido para se testarem os pneus de chuva da Pirelli, Lewis Hamilton não saiu para a pista. Oficialmente o Mercedes W08 teve um problema eléctrico que impossibilitou o britânico de testar em condições de pista molhada. De tarde, Valtteri Bottas voltou a sair com o carro, para rodar em pista molhada.

A Sky Sports avançou hoje que a Mercedes tem rodado com o motor de forma conservadora, ou seja, o canal britânico afirma que o motor 2017 da Mercedes teve uma falha grave de componentes nos testes em fábrica, pelo que em Barcelona não querem correr riscos desnecessários para melhor recolher dados sobre a fiabilidade da unidade motriz. Pelo que parece, os alemães vão apresentar um upgrade já na Austrália. Quer isto dizer, que se os tempos de Hamilton e Bottas são já impressionantes (Bottas bateu ontem o recorde da pista catalã) em modo conservador, imaginem como será quando estiver tudo OK com o motor!

 

fonte: Pirelli
fonte: Pirelli

 

A grande desilusão não pertenceu à Mercedes, mas sim à Williams. Depois do acidente de ontem de Stroll, a equipa precisava de um novo chassis para testar, que apenas chegou durante a tarde, logo o último dia dos primeiros testes em Barcelona terminou oficialmente ontem para Massa e Stroll.

O dia também não correu bem para a Toro Rosso. Daniil Kvyat fez apenas uma volta de instalação de manhã e não mais saiu da box até ao fim do dia. Pelo contrário, a Red Bull apenas na parte da manhã com Max Verstappen ao volante, completou 43 voltas à frente de Force India, Haas e Ferrari. No final do dia, a Haas completou 116 voltas ao traçado catalão e ainda conseguiu o 4º melhor tempo do dia, num excelente dia de trabalho, sendo a equipa com mais voltas completadas.

Haas

 

No final da tarde, numa altura em que a pista estava já seca, alguns pilotos ainda saíram para uma voltas com pneus macios, como o caso de Grosjean ou Vandoorne. Jolyon Palmer chegou a rodar com os ultra macios, conseguindo como é óbvio um bom tempo. Foi o 3º mais rápido do dia.

No entanto, e com Bottas apenas com o 8º melhor tempo, foi Kimi Räikkönen o mais rápido do dia.

Pos. Piloto Equipa Tempo Voltas
1. K. Raikkonen Ferrari 01:20.872 92
2. M. Verstappen Red Bull Racing 01:21.769 85
3. J. Palmer Renault 01:21.778 39
4. R. Grosjean Haas F1 01:22.309 116
5. A. Giovinazzi Sauber 01:22.401 84
6. S. Perez Force India F1 01:22.534 82
7. S. Vandoorne McLaren 01:22.576 66
8. V. Bottas Mercedes Grand Prix 01:23.443 68
9. N. Hulkenberg Renault 01:24.974 51
10. D. Kvyat Scuderia Toro Rosso 00:00.000 1

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.