CNR – Rali de Castelo Branco: Dia1

A 2ª prova do nacional de ralis tem como palco Castelo Branco, num rali todo ele corrido em asfalto. Nesta prova temos as ausências de Manuel Castro, que ainda não recebeu o kit para provas em asfalto para o seu I20, o que o leva a participar apenas no rali dos Açores, tal como Ricardo Moura que dependia de um bom resultado em Fafe para conseguir os apoios para a época toda… dado o azar do piloto na primeira prova, o certo é participar na prova que se segue, sem mais garantias.

Como cabeças de cartaz tínhamos o inevitável José Pedro Fontes, assim como João Barros e Carlos Vieira. Pedro Meireles tinha como missão lutar como podia com o seu Skoda Fabia S2000. Miguel Barbosa também fazia parte da lista de inscritos, continuando a sua evolução nos ralis, especialmente neste tipo de terreno. Elias Barros e Gil Freitas eram também nomes com máquinas capazes de se bater por lugares cimeiros.

No grupo N teríamos a mesma luta de Fafe com Ricardo Teodósio e Carlos Martins assim como o início do Challenge DS3R1 (João Ruivo e Miguel J. Barbosa, Diogo Soares, o vencedor do Challenge DS3 R1 no ano passado e Ricardo Sousa).

Nas duas rodas motrizes o cartaz também era bom com  Pedro Antunes, Daniel Nunes, Gil Antunes e Paulo Neto a serem os principais nomes.

A PEC1 foi vencida por Carlos Vieira, que levou a melhor sobre a concorrência, seguido de João Barros e José Pedro Fontes que fechou o top3. Pedro Meireles perdeu muito tempo com um toque e ficou praticamente fora da luta pela vitória. Miguel Barbosa e Ricardo Teodósio completavam o top 5, com Teodósio a ganhar vantagem sobre Carlos Martins na luta do Grupo N.

Na PEC2 José Pedro Fontes mostrou-se mais forte e subiu para primeiro na geral, tendo sido o mais rápido. Carlos Vieira foi segundo e manteve-se perto do líder e Barros fechou o top 3. Hugo Mesquita e Miguel Barbosa ainda cabiam no top 5 com Carlos Martins por perto a ganhar tempo a Ricardo Teodósio.

Paulo Neto era o líder do Nacional para as 2 rodas motrizes à frente de Gil Antunes.

 

A PEC 3, a Super Especial de 2.32Km, foi corrida já noite dentro. Aqui, quem levou a melhor foi João Barros que ficou à frente de Miguel Barbosa e Carlos Vieira, com José Pedro Fontes e Ricardo Teodósio a fechar o top5.

Na geral fica Fontes na liderança no final do 1º dia, seguido de Barros e Carlos Vieira a fazer um excelente rali. Miguel Barbosa é quarto e Hugo Mesquita 5º. Ricardo Teodósio é 6º na geral e líder do Grupo N e no nacional de duas rodas motrizes é Pedro Antunes o líder. No Challenge DS3R1 Diogo Soares segue na primeira posição.

Amanhã a caravana enfrentará 6 especiais. Fontes lidera mas o top3 está separado por escassos segundos o que tornará a luta ainda mais interessante.

 

Domingo, 12 de Março 2017

4ª PE – S. DOMINGOS 1 9,12 00:03 10:46

5ª PE – FONTE LONGA 1 14,23 00:03 11:04

6ª PE – ALVITO 1 19,29 00:03 11:37

7ª PE – S. DOMINGOS 2 9,12 00:03 14:36

8ª PE – FONTE LONGA 2 14,23 00:03 14:54

9ª PE – ALVITO 2 19,29 00:03 15:27

 

Fotos: autosport.pt, páginas de facebook dos pilotos.
fonte: autosport.pt, cnr.cronobandeira.com

 

Fábio Mendes

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.