César Machado: “Tenho um bom companheiro de equipa e tenho a certeza que vamos ser uma dupla forte”

Depois de confirmada a notícia que César Machado e Manuel Pedro Fernandes irão juntar forças em 2017 ao volante do Seat Leon TCR da Speedy Motorsport, pedimos algumas declarações a César Machado.

Curiosamente, Machado fará dupla novamente com um homem de Vila Real, tendo sido companheiro de equipa de Rafael Lobato em 2016 com o mesmo carro que pilotará este ano.

“Esta época irei fazer equipa com o Manuel Pedro Fernandes aos comandos do Seat Leon TCR da Speedy Motorsport. Foi difícil reunir o budget necessário para fazer o TCR Ibérico e o TCR Portugal mas estão reunidas todas as condições para podermos fazer uma boa época. O Manuel Fernandes dispensa apresentações, é um piloto muito forte e muito rápido, tem uma enorme experiência no automobilismo como é demonstrado pelo seu palmarés e penso que será um excelente companheiro de equipa. Espero evoluir e aprender ainda mais com ele esta época. O objetivo é o mesmo de sempre, lutar pelas vitórias em todas as corridas com vista ao título que não foi possível alcançar o ano passado, embora esteja consciente da enorme qualidade da concorrência e das dificuldades que vamos encontrar. Este projeto só foi possível com a ajuda dos meus patrocinadores, SALTAPONTOS, Grupo Adi e Claudina Costa Contabilidade aos quais agradeço desde já a aposta em mim.”

Tendo conhecimento das dificuldades que o piloto encontrou para poder estar novamente no CNVT, quisemos saber quais seriam as ambições para 2017.

“O ano passado foi um ano de habituação a carros com motor turbo e com tração dianteira, muito diferentes do que estava habituado. Este ano irei continuar a aprender e a aprimorar o meu estilo de condução para este tipo de carros. Tenho um bom companheiro de equipa e tenho a certeza que vamos ser uma dupla forte.”

Ao contrário do que se passou em 2016, César Machado espera não ter problemas no Seat Leon que o impossibilitem de andar na frente e a primeira ronda do ano passado, em Braga, serve de exemplo.

“Em 2016 tivemos alguns problemas no carro, principalmente na primeira prova do ano. Tivemos dificuldades com a caixa de velocidade DSG e isso comprometeu um bocadinho o andamento. Este ano, ao contrário do ano passado, partimos desde o início com as últimas atualizações do Seat Leon TCR. Espero que corra tudo pelo melhor.”
Está assim apresentada mais uma dupla do TCR Portugal e TCR Ibérico, com pilotos muito fortes que será com certeza, um mimo de ver.
Agradecemos ao César pela rápida disponibilidade em responder às nossas questões.
Pedro Mendes

Um pensamento sobre “César Machado: “Tenho um bom companheiro de equipa e tenho a certeza que vamos ser uma dupla forte”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.