Estrada – Volvo V90 Cross Country, como ela é bela…

Hoje trago-vos uma belíssima carrinha, que na minha opinião, vale muito mais que quase todos os SUV que se encontram à venda no mercado. E digo-vos que é a carrinha premium que mais me cativa só de olhar para a beleza do design. Como sabemos, desde da chegada do Nissan Qashqai, houve um enorme boom no parque automóvel da Europa, com os ditos SUV e Crossovers, a venderem como pãezinhos quentes. Uma moda que pegou e que cada vez se expande mais, havendo destes modelos em todos os segmentos de mercado.

Mas para quem não é adepto deste tipo de veículos, como é o meu caso, apresento-vos esta nova Volvo V90 Cross-Country, uma carrinha com todos os padrões de segurança, de conforto e de espaço para toda a família, aliada à tração integral para andar fora de estrada sem problemas. Antes da análise ao modelo, recordamos um pouco da história das versões Cross-Country.

 

A Volvo começou esta aventura de transformar as suas carrinhas normais e pô-las com ares de SUV no ano de 1997. A sua primeira foi a V70 Cross-Country, uma carrinha que na altura espantou o mundo, devido ao atrevimento da Volvo em fazer um novo tipo de automóvel. Era a primeira carrinha familiar executiva com “licença” para se aventurar por fora de estrada. E desde daí, que o nosso país é aquele que têm mais destas carrinhas na Europa toda ….

Passando então a esta grande carrinha com quase 5 metros de comprimento, a V90 CC assenta na nova plataforma da Volvo, a SPA, com suspensões de triângulos sobrepostos à frente e suspensão Multilink atrás. Ou seja, é super confortável, parece um autêntico tapete voador por cima do asfalto e lida muito bem com as quase 2 toneladas de peso que têm. Então se escolher a motorização D5 ou T6, esta Volvo despacha os quilómetros num ápice, a velocidades bem elevadas, sem nunca perder a compostura.

 

Em auto-estrada, a marca sueca afirma que esta nova V90 CC rola com uma naturalidade e com um enorme conforto a bordo, como nenhum outro rival consegue. Todo o interior tem uma excelente  ergonomia, está repleto de materiais de elevada qualidade, iguais ou até superiores a alguns interiores das ditas marcas premium. Aos soberbos interiores e a um enorme espaço interior para cinco ocupantes, junta-se os melhores bancos da atualidade, com excelente suporte, pele macia, um toque soberbo e um conforto bem acima da média.

E além de ter uma insonorização fantástica, onde não há nenhum barulho que incomode os passageiros a bordo, junta-se também um belíssimo sistema de som da Bowers & Wilkins, que transforma qualquer música, num regalo para os nossos ouvidos, que até nos sentimos logo numa sala de concertos. O sistema de info-entretimento inclui ainda tecnologia Apple Car Play, Android Auto e Spotify.

Nas tecnologias a bordo, esta nova Volvo V90 Cross-Country inclui os sistemas Pilot Assist e Adaptive Cruise Control, que permite ao condutor “descansar” um pouco em trânsito fluído, pois estes sistemas em conjunto permitem ter já uma condução semi-automática, bastando apenas ter as mãos no volante.

Passando para o lado de fora e para o fora de estrada, esta V90 CC junta a tração integral, às proteções nos para-choques e pela carroçaria, às proteções por baixo do motor e a uma altura mais elevada de 6,5 cm, relativamente a uma V90 “normal”. Isto tudo, acreditando-se ou não, envergonha muitos SUV e Crossovers no mercado por estradas de terra batida ou mais esburacadas. A marca garante que a tração integral lida bem com todos os tipos de caminhos de terra batida, de gravilha, com buracos, com muita lama, com neve e gelo, com subidas e descidas íngremes, e até caminhos em que começa já a “roçar” o todo o terreno. Têm uns bons ângulos de ataque e de saída para o tipo de veículo que é, permitindo até cruzar os eixos em algumas situações. Inclui um modo Off Road e o Hill Descent Control, que regula sozinho a velocidade em descidas íngremes, sem preocupar o condutor.

Passando para os motores, esta V90 CC conta com os já habituais motores da Volvo, nos diesel temos a versão D4 com 190 cv e 400 Nm, que pode optar em escolher com uma caixa manual de 6 velocidades e sem tração integral a partir dos 61.043€, ou escolher com uma caixa automática de 8 velocidades já com tração integral com preço a partir de 63.658€.

Depois temos a versão D5, também a gasóleo com uns expressivos 235 cv e 485 Nm logo às 1,750 rpm, que disparam as quase 2 toneladas de peso em apenas 7,5s dos 0-100km/h (valor anunciado pela marca). Têm uma caixa automática de 8 velocidades e tração integral com preço a partir dos 70.678€.

Quem for adepto dos motores a gasolina, esta carrinha conta também com a versão T6 com 320 cv de potência, caixa automática de 8 velocidades e tração integral com o preço a começar nos 74.435€.

Depois de lerem este texto e se começam a achar que esta nova Volvo V90 Cross-Country não têm defeitos, enganam-se. Apesar de na minha opinião, este ser o único ponto negativo que existe nesta V90, é um ponto que pesa a muitas pessoas que vão comprar um carro novo. Quando chega a altura de escolher a motorização, os packs e os extras que se quer, aí é que como se costuma dizer, “a porca torce o rabo”… Esta Volvo vem “despida” de equipamento, trazendo apenas o muito básico, e se querem uma igual à das fotos ou só um pouco parecida, preparem-se para gastar muito dinheiro.

Depois de uma breve incursão pelo o simulador da Volvo, pegando na versão D4 de 190 cv com tração integral e caixa automática e escolhendo apenas os extras mais “necessários”, que alguns deviam ser de série numa carrinha premium como esta, como por exemplo, o rebater dos bancos traseiros, ou os encostos dos bancos ou o fecho eléctrico da tampa da mala, que se paga à parte, e juntando a mais uns quantos extras para melhorar a comodidade no interior para toda a família, o preço final sobe dos 63.658€ para os 81.616€.

Para já não falar que se fizer uma nova simulação com as motorizações mais potentes, ou seja, a D5 ou a T6, e se fizerem “full extras” em todos os tópicos, o preço final toca nos 100.000€ nas calmas…

É muita “massa” para se pagar na compra de uma carrinha “arraçada” de jipe, mas como já referi antes, esta não é uma carrinha normal como as outras. Além de uma beleza sueca no seu design e das suas linhas exteriores, junta-se o conforto ao requinte e à tranquilidade a bordo, a sofisticação, o enorme espaço para toda a família e a uma tração integral, com capacidade para andar bem e sem sobressaltos por caminhos mesmo muito maus, conseguindo envergonhar muitos SUV e isso meus amigos e minhas amigas, isso paga-se e muito bem.

Fonte: volvocars.com/pt / razaoautomovel.com / Auto Foco

Flat Out. Boas Curvas

Fábio Guedes

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s