Estrada- Uma (smart) ideia para o que resta do Verão

Apesar de já estarmos em Setembro, a caminhar para o fim do verão, com algumas chuvas à mistura, ainda temos alguns dias com temperaturas bem altas, por isso conduzir pode ser uma tarefa difícil e nada agradável, especialmente se temos um carro sem ar condicionado. Por isso, nada sabe melhor do que conduzir a bordo de um descapotável e então se for divertido de conduzir e contribuir para a saúde do nosso planeta, ainda melhor.

Dito isto, apresento-vos o novo Smart fortwo Cabrio Eletric. Um mini descapotável apenas para dois, mas que têm muita pinta como um carro destes deve ter, e que faz as pessoas voltar o pescoço com um sorriso na cara.

Depois do novo motor elétrico da Smart ter chegado às variantes fortwo coupé e forfour, faltava só a versão mais descontraída também receber este motor. Começo logo por vos dizer o preço desta versão Cabrio Eletric, que não é  nada simpático… 24.900€, mas como é costume, quando se fala de um Smart bem equipado, os preços são sempre altos.

Passando agora para o motor eléctrico que equipa este Smart, contamos com os préstimos de um motor de 60 kW, de mais ou menos 82 cv de potência, instalado na traseira do modelo e que transmite a potência às rodas de forma contínua, oferecendo um binário imediato de 160 Nm desde da posição de parado e termina com uma velocidade máxima de 130 km/h. A autonomia deste modelo, e consoante o tipo de utilização que se faz,  ronda os 155 km. Com esta autonomia, este Smart torna-se um descapotável apenas para os centros urbanos e pouco mais.

Depois de esgotada, a bateria deste fortwo Cabrio carrega-se até aos 80% da capacidade total em apenas 2.5 horas (metade do tempo de carga que na geração anterior). E para a primavera de 2018, a marca promete a comercialização de um carregador mais potente, de 22 kW, que é capaz de carregar a bateria até aos 80% em menos de 45 minutos.

Como a simplicidade é uma imagem de marca, basta carregar num botão para transformar este smart de dois lugares num verdadeiro descapotável. A capota flexível em tecido resistente recolhe em apenas 12 segundos. A capota pode igualmente ser aberta do exterior através da chave do carro.

As barras laterais deste modelo podem ser também retiradas e arrumadas na bagageira, num compartimento específico, para uma experiência de cabrio total. Convém termos a certeza que entretanto não vai chover, pois demora-se ainda um bocado a colocar outra vez as barras no sítio certo, para se poder voltar a fechar a capota.

Esta versão Eletric conta com mais equipamento que as versões standard do fortwo, nomeadamente uma consola central com gaveta e suporte para dois copos, um novo quadrante com a indicação de potência e autonomia da bateria no painel de instrumentos, umas colunas da JBL e outros apontamentos que normalmente só se vê nas versões Brabus. Em opção para este modelo, há uma cor “verde elétrico”, que assenta que nem uma luva neste fortwo e que o torna ainda mais impactante a nível visual.

Esta que é já a quarta geração de elétricos da marca que pertence ao grupo Daimler (a primeira geração foi em 2007) e já se encontra à venda no nosso país desde do mês de Julho.

 

Fonte: Top Gear Portugal / Smart

 

Flat Out. Boas Curvas

Fábio Guedes

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.