MotoGP – Dani Pedrosa não corre em Austin e na Argentina

foto: facebook.com/DaniPedrosaOfficial

Pouco horas depois do fim do primeiro GP da época, no Qatar, Dani Pedrosa anunciou que sofreu durante a corrida de dores no antebraço, devido a novo problema de síndrome compartimental. O síndrome compartimental é uma lesão considerada normal nos motociclistas e é um aumento de pressão do músculo no antebraço devido à  sua expansão.

O problema de Pedrosa vem já desde o final da época anterior e foi aconselhado por mais do que um especialista, para não se submeter a nova cirurgia, já que o espanhol já foi operado duas vezes pelo mesmo problema. Nas férias de Inverno o problema parecia ter desaparecido, tendo o piloto feito tratamento a essa questão física. Durante a corrida de Domingo, Pedrosa sentiu novamente dores intensas.

Depois das queixas, o piloto reuniu-se com os médicos e resolveram-se por uma nova intervenção cirúrgica que ocorrerá amanhã. Após a operação, Pedrosa vai estar em recuperação durante, pelo menos, quatro semanas, que o deixará de fora das próximas corridas, em Austin e na Argentina.

Quem substituirá o espanhol é o japonês Hiroshi Aoyama, piloto de testes da HRC. A época, para não falar da continuação da carreira como piloto, de Dani Pedrosa pode estar em risco.

Pedro Mendes

Um pensamento sobre “MotoGP – Dani Pedrosa não corre em Austin e na Argentina

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.